sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Ministério Público propõe prisão domiciliária para José Sócrates

O Ministério Público propôs este sábado uma alteração da medida de coação aplicada a José Sócrates, de prisão preventiva para prisão domiciliária.

Paulo Duarte

A decisão tem de ser tomada até terça-feira e acontece no âmbito da revisão trimestral da medida de coação a que está sujeito o antigo-primeiro ministro.

O anuncio foi feito esta tarde, à porta do estabelecimento prisional de Évora, pelo advogado de José Sócrates.

A defesa já fez saber que discorda, por considerar que o arguido não devia estar sujeito a qualquer medida de coação.

José Sócrates foi detido a 21 de novembro de 2014, no aeroporto de Lisboa, no âmbito da "Operação Marquês". Está indiciado pelos crimes de crimes de fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais e corrupção, sendo o único arguido ainda em prisão preventiva neste processo, depois de o empresário Carlos Santos Silva estar em prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, desde o final de maio.
  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.