sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Vara suspeito de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais

O ex-ministro Armando Vara foi detido hoje para interrogatório judicial no âmbito da Operação Marquês por suspeita dos crimes de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais, informou a Procuradoria-Geral da República (PGR).

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

De acordo com a nota da PGR, Armando Vara vai ser presente, na sexta-feira, ao Tribunal Central de Instrução Criminal (TCI), para interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação, acrescenta a nota da PGR.

De acordo com a PGR, na sequência das investigações em curso no âmbito da "Operação Marquês, "foi emitido um mandado de detenção fora de flagrante delito, para sujeição a interrogatório judicial, relativamente ao suspeito Armando Vara".

"Estão em causa factos suscetíveis de integrarem os crimes de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais", refere a nota. Armando Vara é suspeito dos mesmos crimes de que o ex-primeiro-ministro José Sócrates, em prisão preventiva desde 25 de novembro último, se encontra indiciado.

A PGR acrescenta que foram também realizadas buscas domiciliárias em instalações de sociedades e numa instituição bancária.

Nas diligências, realizadas por um magistrado do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), o Ministério Público foi coadjuvado pela Autoridade Tributária (AT) e pela Polícia de Segurança Pública (PSP).

  • Percurso de Armando Vara marcado por sobressaltos e polémicas
    3:19

    País

    Armando Vara nasceu em Vinhais, Trás-os-Montes, há 61 anos. É descrito como um homem que subiu a pulso mas com uma vida marcada por sobressaltos e polémicas. Passou pela política como ministro de António Guterres, e pela banca, na Caixa Geral de Depósitos e BCP. Está condenado a 5 anos de prisão no escândalo das sucatas e não está preso porque recorreu.

  • Análise à detenção de Armando Vara
    15:48

    Operação Marquês

    O ex-ministro Armando Vara foi detido hoje para interrogatório judicial no âmbito da Operação Marquês por suspeita dos crimes de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais, informou a Procuradoria-Geral da República (PGR). A análise é de Ricardo Costa, diretor do jornal Expresso.

  • Armando Vara ouvido hoje no Tribunal Central de Instrução Criminal
    1:43

    Operação Marquês

    O ex-ministro Armando Vara vai ser ouvido esta sexta-feira no Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC), em Lisboa, no âmbito da Operação Marquês, por suspeita de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais, segundo uma nota da Procuradoria-Geral da República (PGR). O antigo ministro de Sócrates foi detido ontem para interrogatório no âmbito da Operação Marquês, a mesma que levou à detenção do ex-primeiro-ministro. Eis os pormenores da detenção, com a jornalista Marisa Caetano Antunes.

  • Armando Vara detido no âmbito da Operação Marquês

    Operação Marquês

    Armando Vara foi detido para interrogatório no âmbito da Operação Marquês. A mesma que levou à detenção de José Sócrates. O ex-ministro socialista está detido nas instalações do comando metropolitano da PSP, em Lisboa, desde as 18h30. De acordo com um comunicado da Procuradoria- Geral da República, "estão em causa factos susceptíveis de integrarem os crimes de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais".

  • Rui Santos revela novos e-mails que envolvem o Benfica
    1:52

    Desporto

    No programa da SIC Notícias Tempo Extra, Rui Santos revelou esta terça-feira que um blogue associado ao Benfica partilhou informação privilegiada da APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) com várias figuras do clube da Luz.

  • O último adeus às vítimas da tragédia de Vila Nova da Rainha
    1:37

    País

    As cerimónias fúnebres das oito vítimas mortais do incêndio na Associação de Vila Nova da Rainha realizaram-se esta terça-feira. Três delas ocorreram em simultâneo na povoação do concelho de Tondela que, no passado sábado, viu a tragédia bater-lhe à porta.

  • Fóssil humano mais antigo encontrado em Portugal entregue ao Museu de Arqueologia
    3:42

    País

    O mais antigo fóssil humano até hoje encontrado em Portugal, o "Crânio da Aroeira", foi entregue no Museu Nacional de Arqueologia, em Lisboa. Em 2014, o fóssil foi encontrado pela equipa do arqueólogo João Zilhão perto de Torres Novas e foi restaurado e estudado na Universidade Complutense de Madrid, durante dois anos e meio.

  • De "lambe rabos" a "labrego", a polémica entre Rodolfo Reis e Bruno de Carvalho
    1:30
  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14