sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Armando Vara terá pago 300 mil euros para deixar prisão domiciliária

Armando Vara terá deixado de estar em prisão domiciliária a troco do pagamento de uma caução de 300 mil euros.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

O Expresso avança que o ex-ministro, arguido na Operação Marquês, suspeito de corrupção passiva, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais, deixa de ter vigilância eletrónica.

A decisão do juiz Carlos Alexandre foi, segundo diz o Expresso, tomada hoje.

Armando Vara está sob vigilância eletrónica desde 10 de julho. A decisão do juiz acontece a poucos dias da revisão da medida de coação.

  • Negociações serão difíceis e manter a unidade também
    0:32
  • Corrida à Agência Europeia Medicamento "não é fácil", admite Costa
    0:50

    Brexit

    António Costa confirmou a apresentação da candidatura para a transferência da agência europeia do medicamento de Londres para Portugal. À margem da cimeira extraordinário sobre o Brexit, o primeiro-ministro salientou a importância da instalação do instituto no país para reforçar a competitividade no setor