sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Defesa de Sócrates considera ligação ao GES "falsa, injusta e absurda"

Francisco Seco

A defesa de José Sócrates considerou esta quinta-feira "falsa, injusta e absurda" a nova suspeita ligada ao Grupo Espírito Santo, lançada contra o ex-primeiro-ministro, na Operação Marquês.

Em comunicado enviado à agência Lusa, os advogados de Sócrates alegam que esta nova suspeita, que surgiu depois do ex-banqueiro Ricardo Salgado ter sido constituído arguido, "não passa de mais um insulto como todas as anteriores".

Os advogados Pedro Delille e João Araújo afirmam que é uma falsidade que José Sócrates seja dono, que tenha tido acesso ou sequer conhecimento de qualquer conta bancária na Suíça e acrescentam que é "absolutamente falso" que o então Governo de José Sócrates "tenha tomado qualquer decisão visando beneficiar" Ricardo Salgado ou o Grupo Espírito Santo.

  • Ricardo Salgado constituído arguido na Operação Marquês
    2:43

    Operação Marquês

    Há muito que as alegadas luvas pagas a José Sócrates com origem no Grupo Espírito Santo são a principal linha de investigação. O Ministério Público entende que 17 dos 21 milhões de euros nas contas de Santos Silva tiveram origem no GES, a troco de decisões políticas que favoreceram negócios do império de Ricardo Salgado.

  • Salgado impedido de sair do país e de contactar outros arguidos
    1:21

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES, Ricardo Salgado, ficou esta quarta-feira impedido de se ausentar para o estrangeiro sem autorização prévia e proibido de contactar com os arguidos da Operação Marquês, determinou o Tribunal Central de Instrução Criminal. O jornalista da SIC Luís Garriapa esteve no TCIC, onde deu a conhecer as medidas de coação, depois de uma "longa maratona de nove horas".

  • Salgado é suspeito de corrupção, abuso de confiança, branqueamento e fraude fiscal
    1:34

    Operação Marquês

    Ricardo Salgado é o 20.º arguido da Operação Marquês. O ex-presidente do BES é suspeito de envolvimento no inquérito que investiga alegadas luvas pagas ao antigo primeiro-ministro, José Sócrates. Salgado é suspeito de corrupção, abuso de confiança, tráfico de influência, branqueamento e fraude fiscal. O antigo homem forte do Grupo Espírito Santo esteve durante todo o dia a ser interrogado pelo Ministério Público e ao final da tarde foi para o Tribunal Central de Instrução Criminal.

  • O poder da linguagem corporal nos tribunais
    9:12
  • Fomos conhecer o novo Samsung S8
    1:42

    Mundo

    Depois da crise dos telemóveis Samsung Note 7 com bateria defeituosa que podia explodir, a marca tinha que lançar um aparelho inovador. O S8 foi anunciado esta quarta-feira em Londres. O repórter da SIC, Lourenço Medeiros, foi ver como é.

    Enviado SIC