sicnot

Perfil

Tragédia no Tejo

Tragédia no Tejo

Tragédia no Tejo

Retomadas buscas para encontrar criança desaparecida em Caxias

Em desenvolvimento

As buscas para encontrar a criança de quatro anos que está desaparecida desde segunda-feira, após ter caído ao rio na zona da praia de Caxias, em Oeiras, vão ser retomadas pelas 07:30 de hoje, informou a Polícia Marítima.

(ARQUIVO)

(ARQUIVO)

A fonte da Polícia Marítima disse à Lusa que as buscas vão ser retomadas pelas 07:30 com equipas por terra e por mar, com duas lanchas.

A mesma fonte disse ainda não saber se irá ser acionado o helicóptero da Marinha, que já na segunda-feira à noite esteve envolvido nas buscas.

Uma criança de 19 meses morreu e outra de quatro anos está desaparecida depois de terem caído ao rio na zona da praia de Caxias, em Oeiras, avançou na segunda-feira à noite o comandante Malaquias Domingues, da Capitania de Lisboa.

Segundo o comandante Malaquias Domingues, uma testemunha ocular viu uma mulher a sair da água, em estado pânico e em avançado estado de hipotermia, e afirmar que as suas duas filhas estavam dentro de água.

O comandante Malaquias Domingos explicou que a criança de 19 meses foi retirada da água e alvo de tentativa de reanimação, no areal da Praia da Giribita, em Paço de Arcos, Oeiras, mas acabou por morrer no local, continuando desaparecida outra menina de quatro anos.

A mulher, de 37 anos, foi transferida para o Hospital São Francisco Xavier.

Fonte da Polícia Marítima adiantou ainda à Lusa que as buscas para encontrar a criança desaparecida decorreram até cerca das 03:00 da madrugada de hoje, frisando que apesar de terem sido suspensas, ficaram no local dois agentes.

  • Polícia Marítima prepara operações de mergulho para encontrar criança desaparecida
    1:06

    País

    As operações de busca da menina de 4 anos desaparecida em Caxias, Oeiras, vão incluir operações de mergulho da Polícia Marítima, de acordo com o Comandante da Capitania do Porto de Lisboa. No local estão ainda homens a pé a patrulhar as praias. Uma bebé de 19 meses morreu a noite passada numa praia e uma criança de 4 anos está desaparecida na mesma zona desde o início da noite. A Polícia Judiciária está a investigar as circunstâncias em que tudo aconteceu.

  • Confrontos entre gangues rivais na prisão brasileira de Natal

    Mundo

    Dois gangues rivais entraram em confronto na Penitenciária de Alcaçuz, a mesma onde morreram 26 presos num motim esta semana, avança a agência France Press. O site da Globo refere que há um morto e sete feridos. O Exército já foi chamado a intervir.

    Em desenvolvimento

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos
    2:32

    Economia

    Os transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos já a partir do próximo mês e a poupança nos passes combinados pode chegar até aos 12 euros por mês. Para além disso, foram criados 1280 lugares de estacionamento gratuito junto às estações da CP e Governo reafirma ainda que a linha será alvo de obras de melhoramentos este ano. Em 2016 passaram pela linha de Cascais 25 milhões de passageiros, mais 2,9% que no ano anterior.

  • Edíficio histórico de Teerão desmorona-se durante incêndio
    1:20
  • Cantora da Lambada encontrada morta carbonizada

    Cultura

    A cantora brasileira Loalwa Braz Vieira, ícone da Lambada do fim dos anos 80 e intérprete da música "Chorando se foi", foi encontrada morta num carro incendiado em Saquarema, Rio de Janeiro. A notícia é avançada pela Globo.