sicnot

Perfil

TSU/PEC

Redução da TSU dos patrões deverá compensar subida do salário mínimo

A TSU (Taxa Social Única) paga pelas empresas ainda poderá descer, apesar de o salário mínimo já ter aumentado sem um acordo na concertação social.

SIC

O entendimento entre os parceiros sociais parece agora mais provável.

Na primeira reunião do ano, o Governo propôs a redução da TSU paga pelos patrões em 0,75% para todas as empresas antigidas pelo aumento do salário mínimo para 530 euros.

A proposta recebeu a aceitação da UGT e da Confederação do Comércio, enquanto a CIP (Confederação Empresarial de Portugal), agora mais confiante em relação a um acordo, ficou de analisar o diploma.

De fora deverá ficar a CGTP, que considerou ser um revés a posição tomada pelo Governo socialista.

A próxima reunião está marcada para o dia 21 de janeiro e deverá selar o acordo.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52