sicnot

Perfil

TSU/PEC

Governo estuda eventual mexida no PEC

O Governo avançou com uma proposta de alterações no Pagamento Especial por Conta aos parceiros sociais. A medida esteve a ser discutida na reunião desta quarta-feira à noite em São Bento, Lisboa.

O primeiro-ministro chamou as confederações patronais, a UGT e CGTP para uma reunião, logo após o chumbo no Parlamento da descida da Taxa Social Única.

O secretário geral da CGTP deixou o encontro pouco depois de ter começado.

Arménio Carlos adiantou que a proposta do Governo não visa compensar o aumento do salário mínimo. Segundo a CGTP, não se trata de uma substituição da descida da TSU, porque o primeiro-ministro terá garantido que não está previsto um novo acordo de concertação social.

A CGTP diz ainda que a proposta do Governo serve para dar resposta às necessidades das pequenas e médias empresas.