sicnot

Perfil

Vírus Zika

Vírus Zika

Vírus Zika

Novos casos de Zika e de dengue no Brasil reduzidos quase a zero

Os casos de Zika e de dengue no Brasil diminuíram 99,9% e 99,2% respetivamente, entre fevereiro e maio deste ano, mais do que o esperado, informou hoje o Ministério da Saúde.

© Ivan Alvarado / Reuters

"Neste ano, o declínio de casos começou antes do previsto, uma vez que, historicamente, o pico das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti é em abril", diagnosticou o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Em 2016, o pico da maior incidência de notificações do vírus Zika foi registado na terceira semana de fevereiro, com 16.059 casos, sendo que na última semana de maio, os registos caíram para 12.

O vírus Zika está presente em 60 países, sendo o Brasil o país mais afetado pela atual epidemia.

Já o pico de dengue ocorreu antes do previsto, na última semana de fevereiro, com 106.210 casos contabilizados, enquanto na última semana de maio contaram-se somente 779 casos em todo o país.

Historicamente, a redução no número de casos de dengue era observada a partir do mês de junho, segundo a tutela.

O titular da pasta da Saúde atribuiu os números "às ações de combate ao mosquito de dengue, Zika e chikungunya, que foram intensificadas no país desde o fim do ano passado".

Contudo, desde o início do ano até 28 de maio, foram contabilizados 122.762 casos prováveis de chikungunya, enquanto no período homólogo do ano anterior houve 13.160 casos.

"Neste ano, foram registados 17 óbitos pela doença, que ainda precisam de ser investigados mais detalhadamente, para que seja possível determinar se há outros fatores associados, como doenças prévias, uso de medicamentos, entre outros", lê-se num comunicado da tutela.

As doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti no Brasil têm gerado maiores preocupações por causa da realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos no Rio de Janeiro este ano.

No entanto, o ministro da Saúde lembrou que durante o campeonato do mundo de futebol de 2014, as pessoas também tinham muito receio de vir ao Brasil e apanhar doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, mas, durante o evento, apenas foram registados três casos em turistas.

Lusa

  • Elemento dos Super Dragões com medida de coação mais gravosa
    1:37

    Desporto

    Os seis arguidos da Operação Jogo Duplo, que investiga crimes de corrupção e viciação de resultados na II Liga de futebol, saíram em liberdade. A medida de coação mais gravosa é para um membro da claque Super Dragões, que terá de pagar uma caução de 5 mil euros.

  • Mais de 120 pessoas com hepatite A
    2:23

    País

    O surto de hepatite A já infetou 128 pessoas, 60 das quais estão internadas em hospitais de Lisboa e Coimbra. A Direção-Geral da saúde recomenda a vacinação apenas aos familiares dos doentes. Apesar de não haver ruptura de stocks, há farmácias que não têm vacinas.

  • Sobreviventes de Mossul relatam mutilações e execuções do Daesh
    1:32