sicnot

Perfil

Avião desaparecido

Avião desaparecido

Voo MH370

Destroços de Boeing 777 em Moçambique podem pertencer ao voo MH370

Destroços de um Boeing 777 deram à costa em Moçambique este fim de semana. Segundo avança a CNN, há fortes hipóteses de pertencerem ao voo MH370 da Malaysia Airlines, que desapareceu sobre o Índico em março de 2014 com 239 pessoas a bordo.

REUTERS

A peça encontrada é um estabilizador horizontal e está a caminho da Indonésia para ser examinada, disse um responsável norte-americano à CNN.

Uma outra fonte da aviação afirmou que não há outro Boeing 777 desaparecido além do MH370 da Malaysia Airlines.

No entanto, a companhia malaia diz que ainda é tudo "especulação".

O mistério do que aconteceu ao voo a 8 de março de 2014 mantém-se. Durante as buscas têm sido encontrados destroços mas nenhum provou ser do MH370.

Em setembro de 2015, investigadores franceses confirmaram que destroços de avião encontrados em julho na ilha da Reunião pertenciam ao avião desaparecido. Pelo contrário, peças encontradas em janeiro na Tailândia não pertenciam.

  • O que o mundo diz sobre o busto de Cristiano Ronaldo

    Desporto

    O Aeroporto Cristiano Ronaldo foi inaugurado esta quarta-feira. A notícia foi dada pelos meios de comunicação de todo o mundo, que não deixaram passar o busto do jogador português, apresentado pelo próprio. A estátua foi amplamente comentada e analisada, com palavras como "terrível", "duvidoso" e "bizarro".

    Ana Rute Carvalho

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.