Última Edição

0
0:08

Última Edição

1
1:13

Execução orçamental de abril revela que Portugal está "no bom caminho"

2
0:53

Presidente alemão reconhece esforço português

3
1:08

Governo estuda aumento da TSU para empresas com trabalhadores precários

4
3:02

Combustíveis mais caros em quase dois cêntimos por litro

5
2:06

Estivadores regressaram hoje ao trabalho

6
0:58

Governo garante que questão dos contratos de associação é assunto encerrado

7
1:31

Hospitais públicos pagaram 100 M€ por cirurgias no privado

8
3:46

Declarações de José Cid estão a indignar Trás-os-Montes

9
1:11

Autoridades mexicanas resgatam futebolista Alan Pulido

10
2:05

George Clooney, Richard Gere e Salma Hayek homenageados pelo Papa

11
1:51

Banco Alimentar recolheu 1.921 toneladas de alimentos no fim de semana

12
2:01

Currículo de Nuno Espírito Santo convence alguns adeptos do FC Porto

13
4:48

Parlamento Europeu recebeu mais de 7 mil jovens em Estrasburgo

14
1:33

ONU calcula que 700 migrantes terão morrido em naufrágios nos últimos dias

15
3:44

Avicii fechou a 7ª edição do Rock in Rio

15:16 03.09.2011

Manifestação de jovens resulta em feridos, detidos e agressão a jornalistas em Luanda

Reuters Angola foi o quarto mercado de Portugal, a seguir à Espanha, Alemanha e França, três países da União Europeia que absorveram quase metade das  exportações portuguesas (Reuters)

Várias pessoas ficaram feridas, outras detidas  e alguns jornalistas agredidos em consequência da manifestação que hoje  um grupo de jovens angolanos está a realizar em Luanda para exigir a destituição  do Presidente do país. 

A manifestação, realizada com o objetivo de "exigir a destituição de  José Eduardo dos Santos" e a "democratização dos órgãos públicos", começou  ao início da tarde de hoje, no Largo da Independência, como previa o seu  programa. 

No largo, onde tinham a autorização para se manifestarem, juntaram-se  cerca de uma centena de jovens, sob vigilância de um forte aparato policial.

Às 14h00, o grupo de jovens tomou a iniciativa de partir em direção  ao Palácio Presidencial, para exigir a libertação de um dos seus membros,  que alegadamente tinha sido raptado algumas horas antes da manifestação.

A Polícia tentou impedir a intenção, tendo se gerado uma confusão, que  resultou no ferimento, detenção e agressão de jornalistas, que se encontravam  a fazer a cobertura da manifestação. 

A agressão, perpetrada por elementos civis que se encontravam igualmente  no local, sem identificação, atingiu dois câmaras da RTP África, bem como  a destruição do seu equipamento, e o jornalista da Voz da América, que igualmente  viu danificados os seus meios de trabalho. 

Entretanto, o grupo de manifestantes continua no Largo da Independência  ainda sob vigilância da Polícia. 

Comentários

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

Comentários

Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

Mundo

Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

CT: NEWS
19:11
Escritor brasileiro Raduan Nassar é o vencedor do Prémio Camões 2016
19:09
FIFA nomeia Boban para cargo de secretário-geral adjunto para futebol
18:54
Procura do transporte aéreo sobe abaixo do esperado após ataques em Bruxelas
18:49
PR deixa Berlim satisfeito com abertura e compreensão de Merkel
18:46
Carlos Costa considera que banco mau será solução para crédito malparado
18:28
Wolfsburgo multado em 90mil€ devido a tocha arremessada pelo adeptos
18:14
Águas de Portugal com lucro de 166M€ em 2015
18:13
Ataque surpresa do Daesh na Síria deixa milhares encurralados
17:50
França começou a julgar 7 suspeitos de receberam treino militar do Daesh
17:41
Carvajal está lesionado e pode falhar o Euro2016
X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .