sicnot

Perfil

Mundo

França e Reino Unido abstêm-se em votação sobre admissão da Palestina, Portugal mantém abertura

França e Reino Unido vão abster-se na votação de qualquer resolução sobre a admissão da Palestina como Estado membro das Nações Unidas, enquanto Portugal mantém em aberto uma posição final, disseram à Lusa fontes diplomáticas na ONU.

Arquivo Reuters

Arquivo Reuters

© Sharif Karim / Reuters

De acordo com uma fonte diplomática de um país europeucom poder de veto no Conselho de Segurança, não vai haver em relação à questãopalestiniana coordenação de voto entre os 4 países da União Europeia noorganismo - França, Reino Unido, Alemanha e Portugal.

As posições de França e Reino Unido deverão ser expostasa nível nacional nos próximos dias, adiantou a mesma fonte.

Embora ainda não esteja agendada uma votação sobre opedido de admissão palestiniano, a correlação de forças contra e a favor serádeterminante para um dos países membros do Conselho de Segurança mais próximosda Palestina, comoo Líbano, vir a promover a submissão de uma resolução a votação.

Quinta feira, realizou-se na sede da ONU a primeirareunião em que os diferentes países declararam a sua posição em relação àadmissibilidade da candidatura palestiniana.

Entre os países favoráveis contam-se Rússia, China,África do Sul, Brasil, Índia e Líbano.

Outros países membros reservaram a sua posição, caso dePortugal, que preside em novembro ao Conselho de Segurança, e também daAlemanha.

Contactada pela Lusa, fonte da missão portuguesa adiantouque a missão considera que a Palestina "reúne as condições" para a admissão comomembro da ONU, mas sublinha que é "importante ter em conta um processonegocial que conduza a uma solução pacífica com dois Estados", israelita epalestiniano.

Naquarta feira, o embaixador português na ONU, Moraes Cabral, disse que Portugalnão iria decidir "no vago e em abstrato", e que a "resolução  [sobre a admissão], se existir até podeter diferentes formulações".

Portugal absteve-se na votação da admissão da Palestina como membro daUNESCO, agência da ONU para a Educação e Cultura, enquanto países europeus comoa França ou a Espanha votaram a favor.

Em relação a pedidos de admissão palestinianos aentidades do sistema Nações Unidas, Moraes Cabral afirma que "cadasituação será apreciada pelo seu justo valor".

Para ver aprovada a sua candidatura, a Palestina vai precisarde nove votos favoráveis, e que nenhum dos cinco membros com poder de veto -Estados Unidos, Reino Unido, China, Rússia e França - bloqueie o processo.

Washington, contudo, opõe-se totalmente à adesão da Palestina e já anunciou aintenção de vetar qualquer resolução.

O pedido de admissão deu entrada no Conselho de Segurançano final de setembro, pela mão do presidente da Autoridade Palestiniana, e os15 países membros decidiram então remetê-lo para um grupo de trabalhoespecializado.

Lusa

  • Ministro garante segurança nas escolas com uso de poliuretano
    0:52

    País

    O ministro da Educação garante que as escolas estão em segurança e que não há perigo com um material como o poliuretano. Tiago Brandão Rodrigues respondia, esta quarta-feira, a uma pergunta dos Verdes sobre a substituição de amianto nas escolas.

  • Estoril garante que estrutura da bancada não está em causa
    2:23

    Desporto

    O Laboratório Nacional de Engenharia Civil deverá emitir esta quinta-feira um parecer preliminar sobre a bancada norte do estádio do Estoril-Praia. O clube garante que a estrutura não está em causa e que, tal como a câmara de Cascais, aguarda por conclusões para uma edificação feita no vale da Amoreira.

  • "Quem me dera que a bancada do Estoril fosse com o c......"

    Desporto

    Depois da polémica no jogo entre Estoril-Praia e FC Porto, um cântico polémico da claque do Sporting sobre a bancada do estádio António Coimbra da Mota que obrigou à interrupção do jogo da passada segunda-feira. Tudo aconteceu durante um jogo do campeonato de hóquei em patins entre leões e dragões.

  • Ronaldo estará mesmo de saída do Real Madrid
    2:01
  • Várias alternativas para vender a sua casa
    8:58
  • Encontradas 86 pedras preciosas numa casa em Albufeira
    0:48
  • Registada em vídeo explosão de meteoro nos EUA
    0:42
  • "A Rússia não nos ajuda nada na Coreia do Norte"

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, condenou esta quarta-feira a postura da Rússia sobre a situação da Coreia do Norte, afirmando que o país está a minar os esforços internacionais em curso para isolar o regime de Kim Jong-Un.

  • Polícia descobre arte de esconder 750 quilos de droga em ananases
    2:25
  • Moscovo só teve seis minutos de luz solar em dezembro

    Mundo

    Os portugueses estão tão habituados ao sol, que nunca imaginariam passar um mês inteiro sem ele. O fenómeno aconteceu na capital russa. Moscovo bateu o recorde em dezembro, quando passou o mês inteiro sem luz solar direta. As pessoas de Moscovo viram o sol apenas durante seis minutos e a espreitar timidamente por entre as nuvens.

  • A maior lua de Saturno tem nível do mar tal como a Terra

    Mundo

    Titã, a maior lua de Saturno, tem uma altura média da superfície do mar, tal como a Terra, revela um estudo divulgado esta quarta-feira, que se baseia em observações feitas pela sonda norte-americana Cassini, cuja missão terminou em setembro.