Última Edição

1
0:05

Última Edição

2
0:50

Governo ainda não decidiu como vai sair do resgate

3
1:59

Portas contradiz Passos e insiste na descida do IRS em 2015

4
0:34

Governo não pode assumir compromisso de reduzir IRS, diz ministra das Finanças

5
0:49

Presidente defende coesão social e "correção das injustiças"

6
0:58

Governo concorda que há injustiças que têm de ser corrigidas

7
2:18

Falha consenso entre partidos para capitães de Abril discursarem no Parlamento

8
1:24

Marques Guedes diz que não faltarão oportunidades para se ouvirem os capitães de Abril

9
1:00

Cirurgião morre durante operação no hospital de Aveiro

10
1:41

Português suspeito de entrar em vídeo de propaganda da Al-Qaeda

11
2:22

Número de mortos no naufrágio na Coreia do Sul sobe para 14

12
0:28

Jardim garante que Sporting não vai jogar preocupado com o Benfica

07:39 31.05.2012

Autoridades espanholas resgatam 56 clandestinos na costa de Almería, 124 desde segunda-feira 

Reuters Desde segunda-feira, o Salvamento Marítimo e a Guardia Civil já resgataram  124 imigrantes em cinco barcos frente às costas de Almería

O Salvamento Marítimo espanhol resgatou  56 imigrantes, entre os quais várias mulheres, na noite de quarta-feira,  de uma embarcação que estava a 17 milhas náuticas a Sul da costa de Almería,  noticia a Efe. 

Fontes do serviço dependente do Ministério de Fomento adiantaram que  a embarcação estava a começar a afundar-se quando chegou o navio do Salvamento  Marítimo. 

A operação de resgate, em que participaram um avião e duas embarcações  do Salvamento Marítimo, acabou às 23:00 locais (22:00 de Lisboa). 

O Salvamento Marítimo andava à procura da embarcação desde o início  da tarde, depois de ter recebido um alerta às 13:40, presumivelmente de  um familiar de um embarcado, a avisar que uma embarcação tinha saído da  costa africana há cerca de 12 horas. 

As fontes adiantaram que os imigrantes, possivelmente subsarianos, parecem  em bom estado de saúde, se bem que tenham passado muito frio e estivessem  molhados devido às ondas. 

Os imigrantes foram transferidos para o porto pesqueiro de Almería,  onde chegaram às 01:00 (00:00 em Lisboa) e vão ser atendidos pela Cruz Vermelha  e colocados à disposição da polícia. 

Desde segunda-feira, o Salvamento Marítimo e a Guardia Civil já resgataram  124 imigrantes em cinco barcos frente às costas de Almería. 

Na terça-feira foi intercetada uma embarcação com oito imigrantes de  origem tunisina, quatro dos quais menores, que se encontrava a cerca de  uma milha de Punta Sabinar, no município almeriense de El Ejido. 

Pouco depois, resgatou outros 14 homens de origem marroquina em outra  embarcação, intercetada 50 milhas a sul de Almería. 

Na segunda-feira tinham sido resgatados outros 46 imigrantes de origem  argelina, entre os quais duas crianças pequenas, em dois barcos pneumáticos  a 37 milhas de Carboneras. 

Com Lusa 

     

Comentários

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

Comentários

Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

Mundo

Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

CT: NEWS
X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .