sicnot

Perfil

Mundo

Cientistas estudam método para diagnosticar 13 tipos de cancro através de teste sanguíneo

Investigadores japoneses começaram a desenvolver  um método para diagnosticar 13 dos tipos de cancro mais comuns através de  uma análise ao sangue que, segundo os cientistas, seria "o primeiro sistema  de deteção de alta precisão do mundo". 

© Rupak De Chowdhuri / Reuters

O grupo de investigadores, formado pelo Centro Nacional de Cancro (CNC)  do Japão, pelo Centro de Desenvolvimento de Novas Tecnologias e Indústrias  (NEDO), universidades e sete empresas, aspira ter disponível o novo sistema  num prazo de cinco anos, de acordo com informações divulgadas hoje por estas  instituições num comunicado conjunto citado pela agência Efe. 

O projeto conta com um orçamento de 7.900 milhões de ienes (57 milhões  de euros), financiados pelo NEDO, um organismo científico independente.

O seu objetivo passa por diagnosticar designadamente os cancros do estomago,  esófago, pulmão, fígado, vesícula biliar, pâncreas, cólon, ovários, próstata,  bexiga e mama. 

Este seria "o primeiro sistema de diagnóstico de alta precisão do mundo"  para o cancro, afirma na mesma nota o presidente do CNC, Tomomitsu Hotta,  assinalando que o método permitiria aumentar a esperança de vida dos pacientes.

Simultaneamente, o NEDO trabalhará no desenvolvimento de um sistema  idêntico para o Alzheimer, segundo o consórcio de investigadores. 

 

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.