sicnot

Perfil

Mundo

Homem morre após ter sido pisado por manada de elefantes no Quénia

Um homem de 41 anos faleceu este domingo depois de ter sido pisado por uma manada de elefantes que fugia de um parque natural, no Quénia, anunciou este domingo o Serviço da Natureza nacional em comunicado.

O incidente ocorreu em Wiyumiririe, uma aldeia da região de Laikipia, no centro do país, por onde passaram os elefantes que tinham saído da reserva de Olpejeta. (Arquivo)

O incidente ocorreu em Wiyumiririe, uma aldeia da região de Laikipia, no centro do país, por onde passaram os elefantes que tinham saído da reserva de Olpejeta. (Arquivo)

© Philimon Bulawayo / Reuters

O incidente ocorreu em Wiyumiririe, uma aldeia da região de Laikipia, no centro do país, por onde passaram os elefantes que tinham saído da reserva de Olpejeta. 

Funcionários do Serviço da Natureza conseguiram reconduzir a manada de elefantes para o parque depois de salvar um dos animais, que tinha ficado preso num pântano.

As autoridades enviaram mais guardas para a zona, para evitar outras fugas de animais, e prestaram condolências à família.
Lusa
  • Elefante na Tailândia senta-se em cima de um carro que transportava turistas
    1:02

    Mundo

    Na Tailândia, um elefante foi o protagonista de um momento insólito numa estrada que atravessa um parque nacional onde vivem vários animais selvagens. O elefante aproximou-se dos carros e sentou-se em cima do capô de um dos veículos que transportava turistas. Motorista e passageiros permaneceram calmos e ninguém ficou ferido, apesar do carro ter ficado seriamente danificado. Esta não é a primeira vez que uma situação idêntica acontece. O mesmo elefante foi responsável por esmagar outros três veículos no primeiro dia do ano. Funcionários do parque dizem há cerca de 300 elefantes selvagens que andam livremente nesta época do ano, por se tratar do período de acasalamento. Ainda assim, as autoridades que patrulham o parque já impuseram restrições à circulação naquela estrada.

  • Google anuncia alterações para combater notícias falsas

    Mundo

    A Google vai utilizar as observações dos utilizadores e de avaliadores sobre os resultados das pesquisas para introduzir "melhorias" no seu algoritmo e combater o fenómeno das notícias falsas, anunciou a empresa no seu blogue corporativo.

  • As diferentes faces de Maria
    4:45

    Mundo

    Qual é a imagem de Nossa Senhora que vem à sua mente quando o nome da Virgem católica é mencionado? Uma exposição numa cidade do interior do Brasil mostra que a Mãe de Jesus pode ter várias faces.

    Correspondente SIC