sicnot

Perfil

Mundo

Avião solar prepara volta ao mundo a partir de Abu Dhabi

O avião movido a energia solar "Solar Impulse 2" fez hoje o seu terceiro voo de teste com sucesso, na preparação para uma volta ao mundo com o intuito de promover o uso desta energia.

Voo do Solar Impulse 2 sobre o Lago Murten, Suíça, em setembro de 2014.

Voo do Solar Impulse 2 sobre o Lago Murten, Suíça, em setembro de 2014.

© Denis Balibouse / Reuters

Os organizadores do evento dizem que a volta ao mundo pode começar já este sábado, mas que não podem ainda garantir a data, dado que o início da viagem depende das condições atmosféricas, mesmo que o avião parta do Golfo, uma região tradicionalmente sem nuvens e com boa exposição solar.

O voo de hoje, que durou uma hora, foi o terceiro concretizado pelo avião, que partiu do pequeno aeroporto de Al-Batten, em Abu Dhabi, mas o primeiro para o presidente executivo da empresa Solar Impulse, o suíço Bertrand Piccard.

O projeto que agora está prestes a descolar é o resultado de 13 anos de investigação e trabalho dos pilotos suíços Piccard e Andre Borschberg, que desenvolveram uma ideia que no início foi ridicularizada pela indústria da aviação.

O avião é alimentado por mais de 17 mil células solares embutidas nas suas asas, que medem 72 metros, quase tão grandes como as do 'Superjumbo' Airbus A380, mas pesa menos do que 1% do daquele avião, ou seja, cerca de 2,3 toneladas.

Na viagem prevista para breve, o avião levantará em Abu Dhabi e aterrará em Muscat, capital do Omã, seguirá viagem para Myanmar, China, Havai e Nova Iorque, devendo ainda fazer aterragens no centro dos Estados Unidos e ou no sul da Europa ou no Norte de África, dependendo das condições atmosféricas.



Lusa
  • Denis Cheryshev: o orgulho dos anfitriões

    Mundial 2018 / Rússia

    O avançado Denis Cheryshev foi eleito o Homem do Jogo entre Rússia e Egito, que os russos venceram por 3-1. Marcou o segundo golo dos anfitriões, o terceiro em nome próprio no Mundial e juntou-se a Cristiano Ronaldo no topo da lista de melhores marcadores. Aos 27 anos e a jogar o primeiro Mundial da carreira, Cheryshev continua a assumir-se como um dos principais rostos da esperança russa para o sucesso desta campanha. Depois de já ter sido o melhor em campo no triunfo sobre a Arábia Saudita, a nação anfitriã vê-o como uma espécie de porta-estandarte do orgulho russo na defesa da pátria.

  • Gato Achilles acerta no resultado do Rússia-Egito

    Desporto

    O gato Achilles é o adivinho dos jogos do Mundial na Rússia. Depois de ter acertado na vitória da Rússia frente à Arábia Saudita, o felino voltou a apostar na equipa certa, com os russos a vencerem esta terça-feira o Egipto por 3-1.

  • Os momentos que marcaram o 6.º dia de Mundial
    0:58
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O espetáculo fora das quatro linhas
    2:30
  • "Quando o Cristiano Ronaldo te convidar para almoçar, recusa"

    Desporto

    Na possibilidade de ser convidado por Cristiano Ronaldo para um almoço ou jantar, recuse. Este é o conselho de Patrice Evra, que revelou o "sofrimento" que passou quando aceitou almoçar em casa do capitão da seleção nacional, na altura em que ambos jogavam pelo Manchester United. O jogador francês falou sobre a comida "demasiado saudável" e o exercício que acabou por ter de fazer, enquanto podia estar a descansar.

    SIC

  • "Quero ir com a minha tia", o desespero das crianças afastadas dos pais nos EUA
    2:11

    Mundo

    A nova política de imigração de Donald Trump está a suscitar reações indignadas. Na fronteira com o México, as crianças refugiadas estão a ser retiradas à força aos pais e levadas para centros de acolhimento. Esta terça-feira, foi divulgado um registo áudio de uma criança a suplicar pelos pais a um dos agentes da polícia fronteiriça.

  • Protecionismo de Trump abala Wall Street

    Economia

    Abalada pela exacerbação das disputas comerciais entre os EUA e a China, a bolsa nova-iorquina encerrou esta terça-feira em baixa, com o seletivo Dow Jones a fechar em queda pela sexta sessão consecutiva.