sicnot

Perfil

Mundo

Bactéria mortal libertada de laboratório de alta segurança norte-americano

As autoridades de Louisiana, nos Estados Unidos, estão a investigar a fuga de uma perigosa bactéria, por vezes por mortal, de um laboratório de alta segurança, de acordo com o jornal USA Today.

© Jessica Rinaldi / Reuters

Segundo os responsáveis pelo centro de investigação, não há risco para o público, apesar de ainda não ter sido determinada a extensão da contaminação, após a falha de segurança no Tulane National Primate Research Center.

A bactéria em questão chama-se Burkholderia pseudomallei. 

Primariamente encontrado no sudeste asiático e norte da Austrália, o micróbio pode infetar humanos e animais através do contacto com o solo e água contaminados, e está mesmo classificado como um potencial agente de bioterrorismo. 

A fuga terá ocorrido em novembro, ou até antes, no centro, que estava a trabalhar no desenvolvimento de uma vacina contra esta bactéria.

As autoridades dizem que o organismo não foi detetado nas zonas exteriores das instalações do centro, mas que quatro macacos mantidos em celas ao ar livre ficaram doentes e dois foram submetidos a eutanásia, escreve o jornal. 

Uma inspetora federal também adoeceu após visitar as instalações, apesar de não ser claro se esta foi exposta ao vírus previamente à visita ao centro, já que viajava com regularidade.

"Continua a não haver uma ameaça conhecida ao público", disse o centro, em comunicado, a 24 de fevereiro.



  • "Há uma grande diferença em relação à anterior liderança do PSD"
    14:29

    País

    O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, esteve esta quarta-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. As novas relações com o PSD e a reprogramação do Portugal 2020 foram alguns dos temas de conversa. Pedro Marques defende que existe "uma grande diferença" entre as lideranças de Passos Coelho e Rui Rio no PSD.

    Entrevista SIC Notícias

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Casal mantinha filhos trancados sem comida

    Mundo

    Se pensava que só existia uma casa dos horrores, a da família Turpin, desengane-se. A polícia de Tucson, no estado norte-americano do Arizona, deteve na terça-feira um casal que mantinha os quatro filhos adotivos trancados em quartos separados.

    SIC

  • Pigcasso, a porca pintora que tem uma galeria de arte

    Mundo

    O nome sugere o talento da artista que vive na Cidade do Cabo, na África do Sul. Pigcasso estava prestes a morrer, quando foi resgatada por uma ativista que a ajudou a enveredar pelo caminho da pintura. Desde pequena começou a pegar em pincéis e agora é o primeiro animal do mundo com uma galeria de arte, onde já lançou a sua primeira exposição intitulada 'Oink!'.