sicnot

Perfil

Mundo

Papa quer igreja de "portas abertas" no norte de África

O papa Francisco dirigiu-se hoje às igrejas católicas do norte de África para que estas evitem o proselitismo e acolham a todos os fiéis para demonstrar que são comunidades "de portas abertas". 

© Tony Gentile / Reuters

"Acolhendo a todos com benevolência e sem proselitismo, as vossas comunidades demonstram ser uma Igreja de portas abertas", disse diante dos bispos da conferência episcopal da região do norte de África, durante a visita "ad limina".

A visita "ad limina apostolorum" (em português: "visita aos túmulos dos Apóstolos") é uma obrigação dos bispos diocesanos e outros prelados da Igreja Católica, de a cada 5 anos se encontrarem com o papa, visitando os túmulos dos apóstolos São Pedro e São Paulo, em Roma.

O papa lembrou aos prelados da Argélia, Líbia, Marrocos, Saara Ocidental e Tunísia que representam "uma periferia" e agradeceu-lhes pelo seu trabalho, apesar das "explosões de violência" registadas na região, especialmente na Líbia.

"O norte de África, há anos, converteu-se numa terra de conquista de uma maior liberdade de consciência, de dignidade e, ao mesmo tempo, num campo de batalha para quem as mudanças se impõem brandindo as armas", disse.

Por esta razão, agradeceu pelo trabalho da Igreja da Líbia, pela "coragem, lealdade e perseverança" que demonstrou o seu clero, consagrados e laicos, ao permanecer na zona "apesar dos múltiplos perigos".

"Eles são testemunhas autênticas do evangelho. Agradeço-os muito e animo-os a continuar com os seus esforços dirigidos a favor da paz e reconciliação em toda a região", assinalou o papa.

Francisco voltou a advogar pelo diálogo inter-religioso, para "construir onde muitos destroem".

"A caridade é capaz de abrir numerosos caminhos para levar o evangelho às culturas e aos mais diversos contextos sociais", disse.

"O antídoto mais eficaz contra cada forma de violência é a educação na descoberta da aceitação e das diferenças como riqueza e fecundidade", declarou.

Por esta razão, disse aos bispos que é "essencial" que nas suas dioceses "os sacerdotes, religiosos e leigos estejam próximos do diálogo ecuménico e inter-religioso". 



Lusa
  • O preconceito em relação aos transexuais
    34:09
  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura ao Governo

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC

  • A cadela que desistiu da CIA para ir "perseguir esquilos e coelhos"

    Mundo

    Nem todos os cães têm aptidão para combater o crime. Este é o caso de Lulu, uma cadela que estava a treinar para ser agente da CIA, mas que acabou por entrar na reforma ainda durante os treinos. Através do Twitter, a agência norte-americana anunciou na semana passada que Lulu já não iria treinar mais e que tinha sido adotada pelo agente que a treinava.

    SIC

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC