sicnot

Perfil

Mundo

Cheia histórica em rio do norte do Brasil deixa Estado em situação de calamidade

A cheia histórica do rio Acre, no Estado de mesmo nome, no norte do Brasil, deixou cerca de sete mil pessoas desalojadas e levou o governo local a decretar situação de calamidade pública. 

© STRINGER Brazil / Reuters

O rio atingiu hoje os 18,09 metros de altura, a maior cheia já registada na cidade de Rio Branco, capital do Acre. Segundo o governo local, o número de pessoas afetadas direta ou indiretamente pela inundação chega a 50 mil. 

O ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, disse que vai visitar o Estado ainda hoje para reunir-se com o governador e discutir medidas de auxílio.  

O Ministério autorizou hoje a transferência de 2,5 milhões de reais (770 mil euros) para ações de socorro e assistência em Rio Branco.












Lusa
  • PSD e CDS assinalam 36º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro
    1:38

    País

    O presidente do PSD deixou críticas ao Partido Comunista, este domingo, a propósito do aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro. Pedro Passos Coelho lembrou os festejos dos comunistas na altura, numa resposta a quem questionou a abstenção dos sociais-democratas ao voto de pesar a Fidel Castro, que o PCP levou ao Parlamento. Este domingo, tanto o PSD como o CDS-PP prestaram homenagem a Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa.