sicnot

Perfil

Mundo

Chefe da diplomacia da UE pede libertação de piloto ucraniana detida na Rússia

A piloto militar ucraniana detida na Rússia, Nadia Savchenko, corre risco de vida devido à greve de fome que começou há quase três meses, avisou hoje a chefe da diplomacia da União Europeia.

© MAXIM ZMEYEV / Reuters

"Nadia Savchenko está em greve de fome há 82 dias. Após este prolongado período de tempo, enfrenta danos permanentes na sua saúde ou mesmo a morte", afirmou, em comunicado, Federica Mogherini.

"Mais uma vez, junto a minha voz à de todos aqueles que têm apelado às autoridades russas para libertarem urgentemente e por razões humanitárias Nadia Savchenko", acrescenta no documento. 

Segundo Federica Mogherini, um tribunal de Moscovo rejeitou hoje outro apelo da piloto, de 33 anos, contra a sua detenção.

A mulher piloto iniciou uma greve de fome em protesto contra a sua detenção o ano passado por alegado envolvimento num ataque em que morreram dois jornalistas russos na fronteira com a Ucrânia.

Desde que iniciou a greve de fome, Nadia Savchenko já perdeu 20 quilos.

O Presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, pediu também hoje ao seu homólogo russo para libertar a piloto.










Lusa
  • Banco de Portugal melhora previsões de crescimento económico

    Economia

    O PIB vai crescer 1,8% em 2017 e regressar ao nível de 2008, de acordo com a previsão revista em alta do Banco de Portugal (BdP). No próximo ano, o desemprego deverá cair gradualmente e ficará abaixo dos 8% em 2019. Quanto às exportações, prevê que cresçam 6% em 2017.

    Em atualização

  • O Brexit começou
    1:42
  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.