sicnot

Perfil

Mundo

Juiz emite mandado de captura contra suspeitos de ataque em Paris realizado há 32 anos

Um juíz francês emitiu um mandado de captura internacional contra três homens, suspeitos de um ataque cometido a 9 de agosto de 1982, em Paris.

A 9 de agosto de 1982, foi lançada uma granada para dentro de um restaurante da capital francesa e dois homens entraram depois, aos tiros, no estabelecimento. Em seguida, o grupo, composto por entre três e cinco elementos, subiu uma rua muito frequentada por judeus e disparou contra quem encontrou pelo caminho. (Arquivo)

A 9 de agosto de 1982, foi lançada uma granada para dentro de um restaurante da capital francesa e dois homens entraram depois, aos tiros, no estabelecimento. Em seguida, o grupo, composto por entre três e cinco elementos, subiu uma rua muito frequentada por judeus e disparou contra quem encontrou pelo caminho. (Arquivo)

AP

Um dos homens vive na Noruega, os outros dois no Médio Oriente. 

A decisão do magistrado acontece cerca de dois meses depois dos atentados ao jornal Charlie Hebdo e a um supermercado da capital francesa, e está a ser interpretada como uma mensagem forte contra os terroristas.

A 9 de agosto de 1982, foi lançada uma granada para dentro de um restaurante da capital francesa e dois homens entraram depois, aos tiros, no estabelecimento. Em seguida, o grupo, composto por entre três e cinco elementos, subiu uma rua muito frequentada por judeus e disparou contra quem encontrou pelo caminho. 

Seis pessoas morreram e 22 ficaram feridas neste ataque, que ainda hoje é o atentado anti-semita mais mortífero em França.
  • Racionamento da água é medida de último recurso
    2:35
  • "Estamos Vivos": o processo de reabilitação depois dos incêndios
    1:22