sicnot

Perfil

Mundo

Ministros dos Negócios Estrangeiros reúnem-se em Riga com Líbia e Ucrânia na agenda

Os ministros dos Negócios Estrangeiros reúnem-se no final desta semana em Riga, capital da Letónia, numa reunião informal com a situação na Líbia, a crise na Ucrânia e as relações com a Rússia em cima da mesa.

© Baz Ratner / Reuters

O encontro entre os chefes da diplomacia dos 28 Estados-membros acontece sexta-feira e sábado na capital da Letónia, país que tem a presidência rotativa do Conselho da União Europeia (UE), e conta com o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Rui Machete. A Alta Representante da União Europeia para os Negócios Estrangeiros, Federica Mogherini, presidirá aos trabalhos.

A crise na Ucrânia e as relações tensas entre a União Europeia e a Rússia, na sequência desse conflito, serão um dos principais temas a abordadar. A Uniao Europeia impôs sanções à Rússia na sequência do conflito e admite vir a alargá-las mais caso sejam violados "de modo flagrante" os acordos de paz acordados em fevereiro que deveriam terminar com os conflitos no leste da Ucrânia.

Desde início da violência separatista no leste da Ucrânia já morreram mais de 6.000 pessoas e vários milhares foram deslocados ou abandonaram as suas casas.

O encontro informal deverá ainda focar-se no conflito armado na Líbia, depois de esta semana a chefe da diplomacia da europeia ter alertado para a "queda livre" em que o país africano se encontra, considerando esta crise a mais perigosa que se está a desenrolar nos países vizinhos a Sul da UE e com possíveis consequências "dramáticas" para a Europa.

"A UE está disposta a ajudar plenamente um Governo de unidade nacional na Líbia na luta contra o Estado Islâmico", disse Mogherini, que considerou que o encontro de Riga será o momento certo "para discutir e acordar medidas concretas".

O país permanece numa situação caótica e continua a manter dois parlamentos e dois governos rivais, um próximo da coligação de milícias Fajr Líbia e o outro reconhecido pela comunidade internacional e sediado em Tobruk, leste do país.

Nesta reunião informal entre os chefes da diplomacia será ainda preparada Cimeira da Parceria Oriental, que decorre em maio em Riga, e discutida a Política Europeia de vizinhança, cuja revisão foi lançada esta quarta-feira.

A política de vizinhança da UE tem sido criticada, havendo mesmo acusações de que ajudou a despertar a agressividade da Rússia. O acordo de associação entre a UE e a a Ucrânia foi entendido por Moscovo como uma intrusão na sua esfera de influência.



Lusa
  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • IPSS despejada nos Açores
    2:25

    País

    A IPSS Aurora Social, de Ponta Delgada, nos Açores, foi notificada pelo tribunal a abandonar a cozinha onde, há mais de 20 anos, fornece comida a quem mais precisa. A decisão judicial partiu de uma queixa dos moradores e põe em causa os postos de trabalho de 13 funcionárias, a maioria com deficiência. Há dois anos que a Secretaria Regional de Solidariedade Social dos Açores tenta encontrar uma alternativa à cozinha, que tem licença da câmara.

  • Pais revoltados com transporte de crianças do Mogadouro
    4:14

    País

    Os pais dos alunos de algumas aldeias de Mogadouro estão preocupados com a falta de segurança do transporte dos filhos para a escola, na sede de concelho. Os pais contestam o autocarro degradado, que avaria com frequência, e a falta de cintos de segurança em percursos rurais com dezenas de quilómetros.

  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15
  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.