sicnot

Perfil

Mundo

Recuperados corpos de 10 mineiros mortos na explosão de uma mina na Ucrânia

Os corpos de dez dos pelo menos 30 mineiros mortos na explosão de uma mina em Donetsk, cidade separatista do leste da Ucrânia, foram recuperados, prosseguindo as buscas para encontrar os outros 20, informou a administração daquela cidade. A explosão ocorreu na mina de Zassiadko, uma das maiores da Ucrânia, com mais de 10 mil funcionários e onde vários acidentes ocorreram nos últimos anos.

Reuters

"Os corpos de nove mineiros foram recuperados", disse a administração da região de Donetsk, fiel ao Governo da Ucrânia.

Um corpo já tinha sido recuperado durante a manhã.

"As buscas prosseguem", disse Iouliana Bedilo, porta-voz da representação local do Ministério das Situações de Emergência.

O responsável do Sindicado Independente dos Mineiros, Mikhailo Volynets, afirmou que os trabalhos na mina estão suspensos devido a "novos riscos de explosão relacionados com a concentração de gás".


Lusa
  • Explosão em mina na Ucrânia mata mais de 30 pessoas
    1:25

    Mundo

    Mais de 30 pessoas terão morrido numa explosão numa mina de carvão em Donetsk, no leste da Ucrânia, revelou Volodymyr Groysman.Os números não são oficiais mas várias fontes confirmam que faltam 30 homens entre os mais de 160 que foram resgatados do interior da mina. A mina é uma das mais importantes da cidade e é controlada pelos rebeldes separatistas. O Presidente do Parlamento disse aos deputados que este acidente foi "uma terrível tragédia" e pediu um minuto de silêncio pelas vítimas.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.