sicnot

Perfil

Mundo

Resgatados corpos de 32 mineiros mortos na Ucrânia

As equipas de resgate encontraram os corpos dos 32 mineiros na mina de Zasyadko, no leste da Ucrânia, um dia depois de uma explosão ocorrida no local, disse hoje uma fonte rebelde. 

© Baz Ratner / Reuters

"Trinta e dois corpos dos mineiros mortos em Zasyadko foram encontrados" hoje de manhã, anunciou, em comunicado, o Ministério da Emergência da auto proclamada República Popular de Donetsk, acrescentando que os corpos estavam a ser retirados e que um mineiro ainda não foi encontrado.

 

Os trabalhos continuam para encontrar o mineiro ainda desaparecido.

 

A administração pró-Kiev da região de Donetsk disse que foram já retirados 14 corpos da mina e que sete tinham sido identificados.

 

"A operação de resgate continua", acrescenta.

 

A explosão ocorreu na quarta-feira na mina de gás de Zassiadko, uma das maiores da Ucrânia, com mais de 10 mil funcionários e onde se registaram vários acidentes nos últimos anos.


Lusa

  • Recuperados corpos de 10 mineiros mortos na explosão de uma mina na Ucrânia

    Mundo

    Os corpos de dez dos pelo menos 30 mineiros mortos na explosão de uma mina em Donetsk, cidade separatista do leste da Ucrânia, foram recuperados, prosseguindo as buscas para encontrar os outros 20, informou a administração daquela cidade. A explosão ocorreu na mina de Zassiadko, uma das maiores da Ucrânia, com mais de 10 mil funcionários e onde vários acidentes ocorreram nos últimos anos.

  • Explosão em mina na Ucrânia mata mais de 30 pessoas
    1:25

    Mundo

    Mais de 30 pessoas terão morrido numa explosão numa mina de carvão em Donetsk, no leste da Ucrânia, revelou Volodymyr Groysman.Os números não são oficiais mas várias fontes confirmam que faltam 30 homens entre os mais de 160 que foram resgatados do interior da mina. A mina é uma das mais importantes da cidade e é controlada pelos rebeldes separatistas. O Presidente do Parlamento disse aos deputados que este acidente foi "uma terrível tragédia" e pediu um minuto de silêncio pelas vítimas.

  • Marcar cedo e resistir (ou como Portugal venceu Marrocos)

    Mundial 2018 / Portugal

    A seleção nacional alcançou hoje a primeira vitória no Mundial 2018, frente a Marrocos, em Moscovo. Cristiano Ronaldo (outra vez) marcou logo aos quatro minutos. Depois, Portugal pouco mais fez senão aguentar as investidas dos marroquinos, que ficam desde já afastados dos oitavos de final.

  • Fernando Santos dá um puxão de orelhas à equipa
    1:57
  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • Ronaldo, o motivador
    3:23
  • Os "memes" do desempenho de Cristiano Ronaldo frente a Marrocos
    1:25
  • Cristiano Ronaldo: o melhor do jogo, o melhor do Mundial, o melhor do mundo

    Mundial 2018 / Portugal

    Apesar da prestação de Rui Patrício na defesa da baliza lusa, Cristiano Ronaldo foi eleito o homem do jogo, pela segunda vez consecutiva, depois de marcar o golo que deu a vitória a Portugal frente a Marrocos. O capitão português ofereceu à equipa os três pontos essenciais para a eventual passagem aos oitavos de final. Mas Ronaldo não fica por aqui. Contas feitas, CR7 é o melhor marcador do Mundial (4 golos em 2 jogos) e já marcou 85 golos por Portugal, feito nunca antes alcançado nem por Eusébio nem por Pauleta. No auge dos 33 anos, há quem diga que Ronaldo "é como o vinho do Porto". Será que ainda vai chegar à marca dos 100? Parece que, para o CR7, nada é impossível.

  • Parecia que Rui Patrício tinha cola nas luvas
    5:40
  • Os momentos descontraídos dos jogadores que estão no Mundial
    1:54
  • Selecionador de Marrocos queixa-se da arbitragem
    1:41
  • Georgina Rodriguez assistiu ao jogo de Portugal e acenou a Ronaldo
    1:05
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49