sicnot

Perfil

Mundo

Estado Islâmico cria rede social que já ficou inativa

O Estado Islâmico criou uma rede social própria, como alternativa ao Facebook e ao Twitter. O 5elafabook - ou Khelafabook, terá estado, no entanto, ativo apenas durante seis dias.

Tem várias semelhanças gráficas com o Facebook e terá sido criado para permitir a comunicação ao Estado Islâmico e os seus apoiantes, face à política de encerramento do Facebook ou Twitter de contas associadas aos jihadistas.

O Khelafabook foi criado na plataforma SocialKit - disponível a qualquer um que queria criar uma rede social - a partir da cidade iraquiana de Mossul, apesar de no registo ter como base o Egito, de acordo com o jornal britânico Independent. Foi registado no passado dia 3 de março, no site GoDaddy, mas seis dias depois a página foi desativada. Estaria disponível em inglês, alemão, espanhol, indonésio, javanês e português - não em árabe. 

Na página lê-se agora que o site está "temporariamente encerrado para proteger informações e detalhes sobre os seus membros e a sua segurança".

Khelafabook é uma derivação de Khalifa, que significa Califado em árabe.


  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.