sicnot

Perfil

Mundo

Protestos contra austeridade juntam cerca de 9 mil pesssoas em Bruxelas

Cerca de 9 mil pessoas protestaram esta quarta-feira em Bruxelas contra as medidas de austeridade do governo. Os manifestantes exigem que o executivo mude as políticas fiscais, de emprego e nos serviços públicos. 

© Eric Vidal / Reuters

Os discursos dos líderes sindicais foram várias vezes interrompidos pelos assobios da multidão ao governo ou pelo rebentamento de alguns petardos. Já foram entretanto convocados novos protestos para as próximas semanas. 

Manifestações que se repetem depois do governo belga ter decidido no final do ano passado, aumentar a idade da reforma dos trabalhadores e cortar cerca de 8 mil milhões de euros nos orçamentos da saúde e da segurança social deste ano.


  • Aluno abre fogo em escola brasileira, pelo menos dois mortos

    Mundo

    Um aluno de 14 anos disparou vários tiros esta sexta-feira numa escola particular, em Goiânia, no Brasil. De acordo com o Globo, dois estudantes morreram e outros quatro ficaram feridos com gravidade. O aluno do 8.º ano foi detido pelas autoridades.

  • Um morto e sete feridos em ataque com faca na Polónia

    Mundo

    Um homem atacou esta sexta-feira várias pessoas com uma faca, num centro comercial em Stalowa Wola, na Polónia. Segundo as autoridades, uma pessoa morreram e sete ficaram feridas. O atacante foi preso pela polícia, depois de ser detido por alguns cidadãos que estavam no centro comercial.

  • Família perde tudo na aldeia de Queirã
    2:32
  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08

    País

    A chuva que caiu nos últimos dias não deverá ter impactos relevantes na dominuição da seca e, por isso, o risco de incêndios vai voltar a aumentar com nova subida das temperaturas. Os termómetros podem chegar aos 30 graus entre domingo e quarta-feira.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão