sicnot

Perfil

Mundo

Número de mortos em acidente de autocarro revisto de 55 para 49

As autoridades brasileiras reviram, esta madrugada, de 55 para 49 o número de mortes na sequência de um acidente com um autocarro, ocorrido no sábado, em Campo Alegre, no estado de Santa Catarina, no sul do país. 

googlemaps

Segundo o coordenador regional da Defesa Civil, Antonio Edival Pereira, 48 pessoas morreram no local do sinistro e outra no hospital, indica o jornal A Notícia.

Duas pessoas continuam encarceradas no interior do autocarro que seguia numa zona montanhosa, a 235 quilómetros de Florianópolis, quando se despistou e caiu de uma ribanceira com cerca de 400 metros.

As autoridades locais tinham informado anteriormente que 55 pessoas tinham perdido a vida no acidente do passado sábado.

Entre as vítimas mortais figuram oito crianças e 24 mulheres, indicou a porta-voz do governo regional Ana Paula Keller à agência AFP. 

Uma dezena de feridos foram transportados para vários hospitais da região, com múltiplas fraturas.

De acordo com o mesmo jornal, os passageiros pertenciam a uma comunidade evangélica que se dirigia para a cidade de Guaratuba, no estado do Paraná, para participar num ato religioso.

O acidente ocorreu numa curva fechada da Serra Dona Francisca, uma região turística do norte de Santa Catarina.

Nas operações de salvamento participam cerca de 100 pessoas, apoiadas por viaturas da polícia e bombeiros, bem como por um helicóptero.

LUSA
  • Um dos conflitos mais sangrentos e esquecidos do planeta pelo olhar de uma portuguesa
    3:20

    Mundo

    A guerra do Congo, que opõe milícias rebeldes ao regime de Kabila, já dura há 20 anos e fez seis milhões de mortos, quatro milhões de deslocados internos e um número crescente de refugiados. Um dos conflitos mais sangrentos e esquecidos do planeta tem levado milhares de civis a passar a fronteira para Angola. A médica portuguesa Ana Paula Cruz testemunhou o drama silencioso dos congoleses nos campos de refugiados da Lunda Norte.

  • "Este é o elefante na sala sobre a saúde!"
    1:43

    País

    Catarina Martins acusa o Governo de estar alinhado com a direita na promoção de negócios privados na área da saúde. O Bloco de Esquerda quer uma nova lei de bases aprovada até ao final da legislatura e arrancou ontem com um ciclo nacional de sessões públicas para defender o Serviço Nacional de Saúde.

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05