sicnot

Perfil

Mundo

Bilionário norte-americano detido por suspeita de ter assassinado três pessoas

Um excêntrico bilionário de Nova Iorque foi detido depois de ter confessado durante a filmagem de um documentário ter matado três pessoas, nomeadamente a sua mulher, uma amiga e um vizinho, crime pelo qual foi absolvido.

© Mike Segar / Reuters

A vida de Robert Durst, 71 anos, herdeiro do império imobiliário com o mesmo nome, foi gravada com a participação do próprio num documentário da produtora HBO.

A emissão do documentário foi concluída no domingo e incluiu as declarações de Robert Durst em que, a falar consigo próprio na casa de banho, com o microfone a gravar, admite ter matado as três pessoas.

"Matei-os a todos", ouve-se o bilionário dizer.

Robert Durst foi detido sábado num hotel em Nova Orleães, Luisiana, Estados Unidos.

O bilionário aceitou hoje ser transferido para a Califórnia onde vai ser julgado pela morte da sua mulher Kathleen McCormack, em 1982, que desapareceu sem deixar rasto, depois de manifestar o desejo de se divorciar. Um caso que nunca foi resolvido. 

Em 2000, Susan Berman, amiga do bilionário, foi encontrada morta na sua casa em Los Angeles, com um tiro, depois de ter sido interrogada pela polícia sobre o desaparecimento da mulher de Robert Durst.

Em 2001, Robert Durst foi acusado no Texas da morte e desmembramento de um vizinho, cujo corpo apareceu a flutuar no mar.

O bilionário foi julgado e absolvido.







Lusa
  • Suspeito de atropelamento mortal fala de acidente 
    2:00
  • Autoridades garantem ter evitado novo ataque terrorista em Londres
    0:59

    Mundo

    A polícia britânica garante que evitou um novo atentado em Londres. Mulher baleada faz parte das oito pessoas que foram detidas numa operação antiterrorista na capital britânica e no sul de Inglaterra. A operação realizou-se após a detenção de um homem com três facas, nas imediações do Parlamento britânico.

  • Presidente da Macedónia convocou reunião de emergência

    Mundo

    O Presidente da Macedónia, Gjorge Ivanov, convocou esta sexta-feira uma reunião de emergência com líderes políticos, após manifestantes, maioritariamente apoiantes da maioria conservadora, invadirem o Parlamento e atacarem deputados da oposição, fazendo 77 feridos.

  • Polícia espanhola divulga imagens de operação anti-jihadista

    Mundo

    A polícia espanhola divulgou esta sexta-feira novas imagens da operação anti-jihadista levada a cabo na terça-feira em Barcelona. Sabe-se agora que dois dos nove suspeitos detidos podem estar relacionados com a célula terrorista de Bruxelas, responsável pelos ataques no Aeroporto de Zaventem e no metro da capital belga.