sicnot

Perfil

Mundo

Netanyahu vai opor-se a criação de Estado palestiniano se for eleito

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, afirmou hoje que se vai opor à criação de um Estado palestiniano se for reeleito nas legislativas de terça-feira.

© Baz Ratner / Reuters

"Todos os que querem a criação de um Estado palestiniano e a retirada dos territórios tornam esses territórios vulneráveis a ataques do extremismo islâmico contra o Estado de Israel. É essa a realidade que se impôs nos últimos anos", disse Netanyahu numa entrevista ao 'site' de informação NRG.

Questionado sobre se queria com isso dizer que não haverá um Estado palestiniano se for eleito para um novo mandato, o primeiro-ministro respondeu: "Exato".

As últimas sondagens realizadas dão uma pequena vantagem à aliança entre o Partido Trabalhista de Isaac Herzog e o Kadima de Tzipi Livni sobre o Likud de Benjamin Netanyahu.

Numa outra entrevista, à rádio pública israelita, Netanyahu afirmou que "a realidade mudou" desde o discurso de junho de 2009 em que admitiu pela primeira vez publicamente a ideia de um Estado palestiniano ao lado de Israel, o discurso Bar Ilan.

"Esse discurso foi pronunciado antes da tempestade árabe - a chamada 'primavera árabe' -, que abalou o Médio Oriente e trouxe consigo o radicalismo islâmico. Qualquer território que fosse entregue (agora)  seria tomado por islamitas radicais", disse.

"Não é possível aplicarmos o que foi definido no discurso de Bar Ilan quando tudo o que temos do outro lado é terrorismo. Não há forças de paz, não há parceiros de paz", afirmou.


Lusa
  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.