sicnot

Perfil

Mundo

Tunísia neutraliza rede de recrutamento de combatentes islâmicos

Pelo menos 22 tunisinos foram detidos por pertencerem a uma rede de recrutamento de jovens da região de Qairouan, que depois eram enviados para combater em nome da jihad na Líbia, disseram hoje as autoridades da Tunísia.

© Zoubeir Souissi / Reuters

Entre os presos encontram-se estudantes e funcionários do Estado integrados em quatro células especializadas no recrutamento de jovens que eram enviados para campos de treino em território líbio, dirigidos por extremistas da Tunísia, refere em comunicado o Ministério do Interior do Governo de Tunes.

Após a formação militar, os extremistas passavam a integrar as milícias armadas que operam em diferentes zonas da Líbia.

A polícia da Tunísia apreendeu ainda cerca de 200 computadores, telemóveis e dinheiro.

Esta é a primeira vez que as autoridades tunisinas neutralizam uma organização ligada ao extremismo islâmico destinadas a operar na Líbia, já que as redes que foram detetadas anteriormente recrutavam jovens para combater no Iraque e na Síria.

A organização extremista islâmica "Ansar al Sharia" (Seguidores da Lei Divina) está a operar desde 2013 e encontra-se implantada na Líbia e que também serve de retaguarda a líderes do Estado Islâmico.

No domingo, foi capturado um grupo de 10 tunisinos que pretendiam cruzar a fronteira em direção à Líbia, na região sul, e que pretendiam juntar-se aos combatentes em território líbio.

Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.