sicnot

Perfil

Mundo

Identificados suspeitos do atentado em Tunes

As autoridades tunisinas identificaram dois suspeitos do ataque de ontem ao Museu Bardo.

© Zoubeir Souissi / Reuters

O primeiro-ministro da Tunísia disse tratarem-se de Yassine Abidi e Hatem Khachnaoui. 

Um deles já estava referenciado pelos serviços secretos do país, mas não tem qualquer ligação conhecida a grupos extremistas. 

O porta-voz do ministério do Interior anunciou que os suspeitos devem ser tunisinos mas não avançou mais pormenores.

As autoridades tunisinas acreditam que os dois homens tenham ainda dois ou três cúmplices.

Dezanove pessoas, entre as quais 17 turistas e dois cidadãos tunisinos, morreram no ataque à mão armada na quarta-feira contra o Museu Bardo, situado ao lado do parlamento tunisino. 

O ataque, que durou cerca de quatro horas, não foi ainda reivindicado. 

Com Lusa
  • Eduardo Cabrita nomeado ministro da Administração Interna

    País

    O primeiro-ministro propôs esta quarta-feira ao Presidente da República a nomeação de Eduardo Cabrita para o cargo de ministro da Administração Interna e de Pedro Siza Vieira para ministro Adjunto do primeiro-ministro. A tomada de posse realiza-se no sábado às 09:00.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08