sicnot

Perfil

Mundo

Portuguesa raptada em Maputo

Uma portuguesa de 19 anos foi raptada hoje no centro de Maputo, avançou a televisão privada STV. De acordo com a agência Lusa, o Consulado Geral de Portugal em Maputo confirmou que se trata de cidadã portuguesa e moçambicana, acrescentando que já está a ser prestado apoio à família.

(Reuters)

(Reuters)

© Mike Hutchings / Reuters

Segundo a STV, o crime ocorreu hoje de manhã, no centro de Maputo, após a simulação de um acidente e envolveu troca de tiros entre a segurança privada da mulher, filha de um comerciante na capital moçambicana, e os raptores. 

O porta-voz da Polícia da República de Moçambique em Maputo disse à Lusa não ter informações sobre o caso, remetendo esclarecimentos para mais tarde.

Este é o terceiro rapto envolvendo cidadãos portugueses em Maputo desde o início do ano.

Na primeira semana de fevereiro, um homem foi levado numa das artérias mais movimentadas da capital e, dois dias mais tarde, uma mulher foi raptada na avenida onde se situa a Presidência da República.

Os raptos destes dois cidadãos portugueses juntaram-se ao de um empresário moçambicano, que na mesma semana foi também levado por desconhecidos armados.  

O novo Governo moçambicano, empossado em janeiro, declarou o combate à criminalidade organizada como uma das suas prioridades e vários quadros de chefia de forças policiais foram substituídos este mês, incluindo o diretor da Polícia de Investigação Criminal.

As autoridades policiais enfrentam uma pressão crescente da opinião pública, agravada no início de março pelo assassínio a tiro do constitucionalista Gilles Cistac, no centro da capital, num crime que assumiu contornos políticos.


Com Lusa
  • Portugal supera média da OCDE nos testes PISA em ciências e leitura

    País

    Pela primeira vez, Portugal conseguiu resultados "significativamente superiores" à média da OCDE nos testes PISA em ciências e leitura. É o Instituto de Avaliação Educativa que o garante, segundo os dados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico hoje divulgados.

  • Quando se confunde o pedal do travão com o acelerador
    0:38

    Mundo

    Na China, chegam imagens de um acidente fora do normal. Um homem parou o carro e saiu para cumprimentar um amigo. Enquanto conversavam, a viatura começou a descair lentamente. O condutor correu de imediato para o carro. Com as mãos já no volante, tentou evitar o pior mas em vez de carregar no travão, carregou no acelerador.

  • Parkinson pode ter início nos intestinos

    Mundo

    Um novo estudo científico vem revelar que a doença de Parkinson pode não estar apenas no cérebro. A doença pode ter início nos intestinos e mais tarde migrar para o cérebro.