sicnot

Perfil

Mundo

Papa entra no território da máfia e diz que "uma sociedade corrupta fede"

O papa Francisco pronunciou hoje um dos seus discursos mais severos ao afirmar em Nápoles (Itália), no território da máfia, que "a corrupção é suja", que "uma sociedade corrupta fede" e que quem permite a corrupção também tresanda.

© Ciro Luca / Reuters

O pontífice católico proferiu estas declarações durante um discurso perante dezenas de milhares de pessoas em Scampia, um dos bairros da periferia norte de Nápoles, que está tradicionalmente vinculado à máfia local, a 'camorra'.

"Quanta corrupção há no mundo. (...) A corrupção é suja e a sociedade corrupta fede. Um cidadão que deixa que o invada a corrupção não é cristão. Tresanda", afirmou Jorge Bergoglio, acrescentando que "todos nós temos o potencial de ser corruptos e de escorregarmos para a criminalidade".

Francisco chegou à zona pobre e dominada pelo crime num papamóvel e imediatamente mergulhou numa multidão de crianças e jovens, dois dos quais conseguiram tirar uma 'selfie' com o pontífice.

Ao longo do dia cerca de 800.000 pessoas devem visitar a cidade do sul da Itália para saudar o pontífice argentino, que no ano passado declarou guerra ao crime organizado ao "excomungar" todos os mafiosos da Igreja Católica.

A segurança foi reforçada para esta visita, devido aos riscos decorrentes de 'gangsters' com rancor e porque o papa foi também ameaçado pelo grupo Estado Islâmico (EI), pelo que viagens fora do Vaticano são consideradas oportunidades para tentativas de assassinato.

Depois de um massacre num museu da Tunísia esta semana, reivindicado pelo EI, todos os olhos estão na segurança do idoso papa, com 3.000 polícias extra colocados ao longo da rota que Francisco vai seguir, incluindo atiradores nos telhados.Antes da sua chegada a Scampia, o papa começou o dia na antiga cidade romana de Pompeia.

Mais tarde deverá realizar missa na Piazza del Plebiscito, no centro histórico de Nápoles, perto do Golfo de Nápoles, antes de visitar a superlotada prisão Poggio Reale da cidade, onde estão 2.500 presos num espaço criado para 1.400.



Lusa
  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Casas de Luís Filipe Vieira e Pedro Guerra foram alvo de buscas
    2:39

    Desporto

    O caso dos emails levou esta quinta-feira a Polícia Judiciária a fazer buscas no Estádio da Luz e nas casas de Luís Filipe Vieira, o comentador Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, o assessor jurídico do clube das águias. O advogado foi constituído arguido, mas só porque um advogado para ser alvo de buscas precisa de ser arguido.

  • Buscas no Benfica? "A Justiça está a funcionar"
    0:18

    Desporto

    Bruno de Carvalho reagiu esta quinta-feira às buscas efetuadas no Benfica. À saída de uma audiência no Ministério da Educação, o presidente do Sporting abordou o tema para dizer que é sinal de que a justiça está a funcionar.

  • Este foi provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC