sicnot

Perfil

Mundo

Tropas norte-americanas deixam base aérea do sul do Iémen

As forças militares norte-americanas presente na base aérea de Al-Anad, no sul do Iémen, deixaram a área por razões de segurança, disse hoje fonte militar citada pela agência noticiosa France Press (AFP).

© Mohamed Al-Sayaghi / Reuters

Também os membros das unidades antiterrorismo do Iémen, que foram treinados por forças norte-americanas, deixaram a base em Al-Anad.

As tropas deixaram a base ao final de sexta-feira para um "destino desconhecido", acrescentou à AFP a fonte da base localizada na província Lahj (na região sul do Iémen).

Pelo menos 29 pessoas morreram na sexta-feira em combates em Lahj entre forças iemenitas e homens armados, que incluíam militantes da Al-Qaeda e separatistas do sul.

As tropas norte-americanas estavam a recolher informação para atacar a Al-Qaeda com drones.

O Iémen é um aliado 'chave' dos Estados Unidos (EUA), que conseguiram fazer vários ataques contra o braço da Al-Qaeda na Península Arábica, considerada por Washington o ramo mais perigoso da rede 'jihadista'. 

Lusa
  • O que o mundo diz sobre o busto de Cristiano Ronaldo

    Desporto

    O Aeroporto Cristiano Ronaldo foi inaugurado esta quarta-feira. A notícia foi dada pelos meios de comunicação de todo o mundo, que não deixaram passar o busto do jogador português, apresentado pelo próprio. A estátua foi amplamente comentada e analisada, com palavras como "terrível", "duvidoso" e "bizarro".

    Ana Rute Carvalho

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.