sicnot

Perfil

Mundo

Rebeldes xiitas assumem controlo do aeroporto de Taiz, no Iémen

A milícia xiita dos huthis assumiu hoje o controlo do aeroporto de Taiz, no sudoeste e a segunda maior cidade do Iémen, e começou a enviar forças para Aden, onde reside o presidente iemenita, Abd Rabbo Mansur Hadi.  O Conselho de Segurança das Nações Unidas vai realizar este domingo uma reunião de emergência devido à violência naquele país, depois de tropas norte-americanas terem retirado de uma base aérea estratégica.

© Stringer . / Reuters

Testemunhas em Taiz, citadas pela Efe, afirmaram que milicianos huthis, vestidos com uniformes das Forças Especiais, ocuparam tanto o aeroporto como um aeródromo militar próximo. Também assumiram o controlo do complexo onde estão localizados os tribunais da cidade, que se encontra a 250 quilómetros de Sana e cujos habitantes são maioritariamente sunitas. 

A população de Taiz segue a escola sunita Al Shafai, enquanto a maioria das zonas em mãos dos huthis - no norte e no centro - professam o dogma xiita zaidi, o mesmo do grupo. 

Por outro lado, testemunhas na província de Zemar, a sul de Sana, explicaram que uma coluna composta por tanques e camiões de transporte militar cruzou a zona em direção à província meridional de Al Dalea, a caminho de Aden. 

A 21 de fevereiro último o presidente iemenita Haidi fugiu para Aden, depois dos huthis terem tomado o poder, estando a partir daí a reorganizar os efetivos do Exército e a Polícia que lhe são leais para travar o avanço do grupo xiita. 

Na última quinta-feira, aviões de combate huthis bombardearam o Palácio Presidencial de Aden, na sequência de violentos combates entre forças partidárias e opositoras do presidente no aeroporto. 

O Iémen está mergulhado num profundo conflito político, agravado desde que o presidente Haidi recuou no mês passado na sua demissão e anunciou que continuava a ser o presidente legítimo do país, ao contrário do ditado pelos 'huthis'. 

O país também enfrenta operações dos jihadistas que atacam com frequência as forças militares e de segurança e a comunidade xiita. 

Situação do Iémen analisada hoje pelo Conselho de Segurança

O Conselho de Segurança das Nações Unidas vai realizar hoje uma reunião de emergência devido à violência no Iémen, depois de tropas norte-americanas terem retirado de uma base aérea estratégica.

O encontro acontece a pedido do Presidente Abedrabbo Mansour Hadi, após vários atentados suicidas em mesquitas do país que provocaram, pelo menos, 142 mortos na sexta-feira e foram reclamados pelo Estado Islâmico.
  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Desporto

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornla Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Desporto

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.