sicnot

Perfil

Mundo

Milícias xiitas atacam cada vez mais os jornalistas, denuncia a Human Rights Watch

A organização Human Rights Watch (HRW) alertou hoje para o facto de milícias xiitas 'houthis' no Iémen estarem a cometer uma série de ataques e abusos contra jornalistas desde que o conflito se agravou, em janeiro.

© Stringer . / Reuters

Ao longo das últimas semanas "verificou-se um aumento de detenções arbitrárias e da violência contra jornalistas e outros profissionais dos media pela Ansaruallah", o movimento de ?houthis' que controla a capital iemenita Sanaa, declarou a HRW.


As milícias xiitas tomaram de assalto as sedes de três órgãos de comunicação desde janeiro, indicou a organização de defesa dos direitos humanos, acrescentando que outros grupos estiveram também envolvidos nesses ataques.


A HRW citou o caso de um jornalista identificado como Abdel Karim al-Khiwani, assassinado a 18 de março em Sanaa. A vítima, diz a organização, era conhecida por ser próxima da liderança da Ansaruallah e o seu assassinato foi reivindicado pela Al-Qaida.


Lusa
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.