sicnot

Perfil

Mundo

Catorze mortos e mais de 70 feridos em duplo atentado no Paquistão

Catorze pessoas morreram e mais de 70 ficaram hoje feridas num duplo atentado perpetrado por dois bombistas suicidas talibãs em igrejas no Paquistão, o que despertou a violência da multidão e levou à morte de mais dois militantes suspeitos.

AP (Arquivo)

Os atentados ocorreram durante as orações em duas igrejas localizadas a cerca de meio quilómetro de distância, em Youhanabad, na cidade de Lahore, um bairro onde vivem mais de cem mil cristãos, revelaram as autoridades.

"Recebemos 14 corpos e 70 feridos", disse à AFP Mohammad Saeed Sohbin, médico responsável do Hospital Geral, situado nas proximidades, acrescentando que estes números não incluem os alegados militantes.

Zahid Pervez, a autoridade máxima de saúde em Lahore, confirmou o número de mortos e adiantou que 78 pessoas ficaram feridas nos dois ataques.

Vidros de janelas partidos, sangue e sapatos estavam espalhados por todo o lado, nos locais onde ocorreram as explosões.

Anteriormente, um porta-voz da polícia, Nabila Ghazanfar, disse que dois oficiais de serviço tinham morrido nos ataques, enquanto duas pessoas foram espancadas até à morte por manifestantes que tomaram as ruas após as explosões.

Num e-mail enviado à AFP, um porta-voz do Movimento Talibã do Paquistão (Tehreek-e-Taliban Pakistan/TTP), Ehsanullah Ehsan, reivindicou os "atentados suicidas" contra uma igreja em Lahore.

Os talibãs paquistaneses multiplicaram-se desde 2007, quando atacaram as forças de segurança do país, que acusam de apoiar a guerra norte-americana "contra o terror", e as minorias religiosas do Paquistão.

Em setembro de 2013, uma fação talibã também reivindicou um atentado similar à saída de uma igreja, depois de uma missa de domingo, em Peshawar (nordeste do país).

Aquele ataque foi o mais mortal da história do Paquistão contra a minoria cristã, que representa 2% da população do país, tendo feito 82 mortos.

Também hoje, duas pessoas morreram e 12 outras ficaram feridas na sequência da explosão de uma bomba num mercado lotado na maior cidade do Paquistão, Carachi, informou hoje a polícia paquistanesa.



Lusa
  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Hora do Planeta, apagam-se as luzes para despertar consciências
    2:19
  • Divorciados vão poder dividir filhos no IRS 

    Economia

    Os divorciados vão passar a poder dividir os filhos no IRS (imposto sobre o rendimento singular) e o Governo está a estudar soluções para que em 2018 haja um novo sistema para lidar com a guarda conjunta de filhos.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Ataques aéreos dos EUA em Mossul podem ter causado a morte de 200 civis
    1:22
  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.

  • Quando o cancro chega por mero acaso
    1:55

    Mundo

    Cerca de dois terços das mutações que ocorrem nas células cancerígenas devem-se ao acaso, segundo um estudo da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Em Portugal, o Diretor do Programa Nacional Doenças Oncológicas alerta para a importância de um diagnóstico precoce e um estilo de vida saudável como forma de reduzir a fatalidade.