sicnot

Perfil

Mundo

Combates entre tribos sunitas e rebeldes xiitas no Iémen fazem 38 mortos

Combates entre tribos sunitas e rebeldes xiitas e seus aliados perto de uma região petrolífera no sul do Iémen, fizeram este domingo 38 mortos, segundo fontes tribais e dos serviços de segurança.

Os confrontos começaram logo que os combatentes tribais atacaram uma posição rebelde em Nuqub, próximo da região petrolífera de Usaylan, na província de Chabwa.

Os confrontos começaram logo que os combatentes tribais atacaram uma posição rebelde em Nuqub, próximo da região petrolífera de Usaylan, na província de Chabwa.

© Stringer . / Reuters

Os confrontos começaram logo que os combatentes tribais atacaram uma posição rebelde em Nuqub, próximo da região petrolífera de Usaylan, na província de Chabwa, explicaram à agência AFP as mesmas fontes.

"Os rebeldes xiitas huti e os seus aliados perderam 30 homens nos combates que custaram a vida a oito membros das tribos", disse à agência AFP uma fonte dos serviços de segurança.

Este primeiro balanço foi também confirmado à agência AFP por várias fontes tribais, segundo as quais a posição atacada estava ocupada por rebeldes xiitas ligados ao Irão e por militares fiéis ao ex-presidente do Iémen Ali Abdallah Saleh.

Uma coligação de países árabes liderada pela Arábia Saudita lançou na quinta-feira uma operação militar no Iémen, tendo a aviação bombardeado posições dos rebeldes xiitas huti e dos seus aliados que controlam a capital Sanaa e estão a avançar em direção ao reduto onde estava o presidente Abd Rabbo Mansour Hadi.  

Hadi está atualmente na Arábia Saudita, país onde ficará até a situação política e militar no Iémen estabilizar.
Lusa
  • 2,1%. As reações ao défice de 2016

    Economia

    O défice orçamental ficou mesmo nos 2,1% do PIB. Os partidos já reagiram àquele que é o valor mais baixo em democracia.

  • Comboios Alfa vão ter bancos com tomadas elétricas e wi-fi
    2:06
  • Novas imagens dos momentos após Khalid Masood ter embatido no muro do Parlamento britânico
    1:35
  • Nus e acorrentados em frente a Auschwitz

    Mundo

    Catorze pessoas com idades entre os 20 e os 27 anos despiram-se e acorrentaram-se em frente ao portão de Auschwitz, antigo campo de concetração nazi na Polónia, depois de terem degolado um carneiro. Ninguém sabe ainda porquê.

  • A coleção de gerigonças de Ana Catarina Mendes
    1:51
  • Parlamento português pede demissão de Dijsselbloem

    País

    A Assembleia da República foi hoje unânime na condenação das polémicas declarações do presidente do Eurogrupo, mas recusou um ponto pela rejeição de diversos compromissos com a União Europeia (UE) exigida pelo PCP.

  • Probido fumar na praia? Não-fumadores aplaudem ideia
    1:33
  • Viaduto de Alcântara condicionado
    1:36

    País

    O viaduto de Alcântara, em Lisboa, continua com o trânsito condicionado mas apenas sobre o tabuleiro e no sentido Alcântara Terra - Alcântara Mar. A circulação só será reposta depois de uma nova vistoria, ainda sem data marcada.

  • Como se resolve a falta de espaço numa cidade chinesa?
    1:07