sicnot

Perfil

Mundo

Três médicos estrangeiros expulsos de hospital angolano por falta de humanismo

A direção do Hospital Geral de Malanje, no norte de Angola, decidiu expulsar três médicos estrangeiros que ali exerciam funções, devido à alegada falta de humanismo que demonstravam, foi hoje divulgado.

Darko Bandic

A direção do hospital central daquela província angolana não revelou a nacionalidade dos médicos, mas admitiu que a unidade apresenta ainda assim um défice de 70 profissionais.

O diretor clínico do Hospital Geral de Malanje afirmou, citado pela rádio pública angolana, que estes três médicos expatriados foram expulsos devido à "falta de humanismo" na relação com utentes, mas não só.

"Falta de humanismo até no sentido da colaboração com os outros profissionais", explicou ainda Jacob Lenvo, sem adiantar mais pormenores sobre os alegados comportamentos incorretos destes médicos.

De acordo com dados da Ordem dos Médicos de Angola, o número destes profissionais a trabalhar no país é ainda insuficiente, numa relação de um clínico por cada oito mil habitantes.

Lusa
  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04
  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.