sicnot

Perfil

Mundo

Áustria vai julgar jovem de 14 anos por planear ataque terrorista

Um adolescente de 14 anos que confessou ter tentado fazer explodir uma bomba numa estação de comboios em Viena e reivindica ser um jihadista, vai ser julgado pela justiça austríaca a 19 de maio.  

© Leonhard Foeger / Reuters

O estudante de origem turca foi detido em janeiro deste ano, depois de ter tentado fugir, violando medidas de controlo judicial.

Detido pela primeira vez em 2014, na sua escola em Sankt-Pölten (leste), o adolescente admitiu ter tentado detonar uma bomba numa estação de comboios da capital austríaca. Por causa de ser menor de idade, foi libertado após duas semanas mas ficou sujeito a controlo judicial.

Fonte policial disse ainda que o estudante manifestou o desejo de integrar as fileiras do grupo Estado Islâmico (EI) na Síria, noticiou a agência de notícias francesa AFP.

Na edição de hoje do jornal Krone, o advogado do adolescente diz que o seu cliente estava apenas a brincar com a ideia de fazer explodir uma bomba.

De acordo com partes da acusação citadas por aquele diário, foram encontradas imagens de extrema violência pertencentes ao EI no computador, telefone e na consola de jogos do adolescente.

Em meados de março, um adolescente austríaco de 16 anos, que foi para a Síria lutar junto do EI, tendo ficado gravemente ferido, após o que regressou ao país e entregou-se à polícia.

Cerca de 200 pessoas partiram da Áustria para as fileiras do EI na Síria e no Iraque, segundo as autoridades e, destas, 70 já regressaram, estando algumas detidas a aguardar julgamento.


Lusa
  • Nuno Espírito Santo volta a desenhar no quadro
    6:54

    Desporto

    O treinador do FC Porto usou hoje de novo o marcador para desenhar e assim tentar explicar-se melhor. Foi na conferência de imprensa de antevisão do jogo com o Sporting de Braga. "Sei que isto vai ser motivo de brincadeira, crítica e análise", disse. "Não reparem no desenho, prestem atenção ao conteúdo".

  • "A frase que mais ouço quando digo que sou blogger é: 'Mas dá para viver disso?'"

    Web Summit

    É certo e sabido que a internet e as redes sociais abriram as portas a novas realidades laborais e sobretudo a oportunidades profissionais espalhadas um pouco por todo o mundo. Portugal não foge à regra e é cada vez mais uma parte desse todo, como o demonstra a organização da WebSummit para o triénio 2016-18. Foi precisamente por lá que encontramos a Sara Riobom, uma engenheira industrial convertida à blogosfera e a fazer vida disso mesmo.

    Martim Mariano