sicnot

Perfil

Mundo

Três esquiadores mortos em avalanche nos Alpes franceses

Dois austríacos e um italiano morreram esta quarta-feira numa avalanche no maciço de Écrins, Alpes franceses, e uma quarta pessoa encontra-se em "estado muito grave", referiu o departamento dos Altos-Alpes.

A avalanche foi registada às 15:00 locais (14:00 em Lisboa) a mais de 3.000 metros de altitude, na comuna de Pelvoux, no departamento dos Altos-Alpes.

A avalanche foi registada às 15:00 locais (14:00 em Lisboa) a mais de 3.000 metros de altitude, na comuna de Pelvoux, no departamento dos Altos-Alpes.

© Jean-Paul Pelissier / Reuters

As vítimas integravam um grupo de dez esquiadores que percorriam a região com um guia, indicaram à agência noticiosa AFP as equipas de bombeiros que participaram nas operações de socorro. 

A avalanche foi registada às 15:00 locais (14:00 em Lisboa) a mais de 3.000 metros de altitude, na comuna de Pelvoux, no departamento dos Altos-Alpes. Numerosos socorristas foram enviados para o local. 

O ferido, com prognóstico reservado, terá sido transportado de helicóptero para o aeroporto de Grenoble, enquanto os restantes membros do grupo foram acolhidos no refúgio de Écrins. 

No final do dia ainda prosseguiam as buscas para detetar eventuais novas vítimas, apesar do forte vento, que soprava a mais de 80 quilómetros por hora, estar a dificultar as operações. 

Segundo o tenente-coronel Patrick Moreau, diretor do departamento dos bombeiros locais, não existem sinais de que outras pessoas tenham sido atingidas pela avalanche. 

Dois outros esquiadores também foram encontrados mortos nesta região dos Altos-Alpes, após uma avalanche registada no maciço de Dévoluy. 

Lusa
  • Oito mortos em avalanches nos Alpes suíços

    Mundo

    Oito esquiadores morreram no sábado em avalanches nos Alpes suíços, apesar das advertências contra a prática de esqui devido às condições perigosas, de acordo com a atualização feita hoje pelas autoridades

  • "Foi o momento mais difícil da minha vida", disse a ministra emocionada
    3:24
  • A fábrica de caças na base aérea de Monte Real
    3:35

    País

    A Força Aérea portuguesa é a única força militar, para além da norte-americana, que pode mexer em praticamente todo o motor de um caça F-16. Na base aérea de Monte Real há uma fábrica de caças que pode levar o país a comprar mais aviões às peças, para revender a outras forças militares.

  • Comprar ou arrendar casa?
    8:25
  • Fui contactado por um espectador do “Contas-Poupança” (quartas-feiras, Jornal da Noite, SIC) e leitor do blogue www.contaspoupanca.pt, que foi surpreendido com uma carta do banco a aumentar o spread porque um dos serviços que tinha subscrito tinha sido extinguido. Neste caso específico, a domiciliação de ordenado. Ora, o cliente ficou estupefacto porque não mudou de empresa, não foi despedido nem tinha havido nenhuma alteração no recebimento do ordenado naquela conta.

    Pedro Andersson

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44

    Mundo

    A Ucrânia está a ser seriamente afetada por um novo ataque informático. Algumas empresas de grande dimensão estão a ser prejudicadas, agravando a dimensão global do ataque, o qual não parece ser dirigido a ninguém em concreto. Ontem, nas primeiras horas do ataque, não parava de crescer o número de vítimas.

  • Temer acusado de prejudicar Polícia Federal
    2:36
  • Trump interrompe telefonema para elogiar jornalista

    Mundo

    A jornalista irlandesa Caitriona Perry viu-se esta terça-feira envolvida num momento que a própria classificou de "bizarro": um encontro inesperado com Donald Trump, que interrompeu um telefonema com o primeiro-ministro irlandês para... a elogiar.

    SIC

  • Caricaturas de Trump invadem capital do Irão

    Mundo

    O Irão está a organizar um concurso internacional de caricaturas do Presidente norte-americano Donald Trump. Pelas ruas de Teerão já vão surgindo algumas imagens alusivas ao festival que vai realizar-se no próximo mês de julho.