sicnot

Perfil

Mundo

Governador da Califórnia impõe fortes restrições a consumo de água devido a seca

O governador do Estado da Califórnia anunciou esta quarta-feira restrições generalizadas ao consumo de água pela primeira vez na história, para combater uma seca devastadora, que é a pior desde que há registos.

Um programa estadual de incentivo à poupança vai também ser criado para encorajar as pessoas a substituir velhas instalações por modelos modernos que permitem um consumo eficiente de água e energia. (Arquivo)

Um programa estadual de incentivo à poupança vai também ser criado para encorajar as pessoas a substituir velhas instalações por modelos modernos que permitem um consumo eficiente de água e energia. (Arquivo)

© Nguyen Huy Kham / Reuters

Jerry Brown fez o anúncio durante uma conferência de imprensa numa vertente seca, com um tom acastanhado, das montanhas da Sierra Nevada, que normalmente deveria estar coberta por neve alta. 

"Hoje, estamos sobre erva seca onde deveria haver cinco pés (metro e meio) de neve", disse Brown, que acentuou: "Esta seca histórica exige uma ação inédita". 

A ordem executiva emitida por Brown pretende conseguir uma redução de 25% no uso da água nas cidades e localidades californianas, a conseguir através de uma combinação de medidas. 

"Enquanto californianos, temos de juntar e poupar água de todas as maneiras possíveis", afirmou o governador. 

Entre as medidas aprovadas estão algumas de caráter obrigatório que visam prevenir o desperdício e a promoção do investimento em tecnologias para tornar a Califórnia mais resistente a secas. 

A ordem do governador estipula medidas para economizar água, como a substituição de 4,6 milhões de metros quadrados de relva por outra paisagem resistente à seca. 

Um programa estadual de incentivo à poupança vai também ser criado para encorajar as pessoas a substituir velhas instalações por modelos modernos que permitem um consumo eficiente de água e energia. 

A ordem do governador ordena às universidades, campos de golfe, cemitérios e outros grandes consumidores de água para reduzirem os seus gastos de forma significativa. 

Novas casas e vários empreendimentos foram proibidos de usar água potável nos sistemas de irrigação, a não ser que sejam usados eficientes sistemas de irrigação gota a gota.

Brown já declarou o estado de emergência na Califórnia devido à seca, que dura há quatro anos, a mais severa desde que se começaram a registar estas ocorrências. 

A seca tornou irreconhecíveis grandes pedaços da paisagem californiana, com lagos e rios secos, quando normalmente estavam cheios, o que também já causou perdas à agricultura estimadas em vários milhares de milhões dólares. 
Lusa
  • A proposta dos partidos para a redução da dívida
    1:55

    Economia

    O PS e o Bloco de Esquerda querem mais 45 anos para pagar as dívidas à UE e juros mais baixos. As medidas fazem parte da proposta para a redução da dívida pública. No relatório que será enviado ao Governo, não é pedido perdão da dívid como os partidos da esquerda chegaram a defender.

  • Ministros de Governos de Sócrates ouvidos pelo Ministério Público
    1:54
  • Suspeito de atropelamento mortal fala de acidente 
    2:00
  • "Têm um verdadeiro amigo na Casa Branca"

    Mundo

    O Presidente norte-americano reafirmou esta sexta-feira o apoio ao direito de porte de armas no país, sublinhando, numa convenção daquele 'lobby', que "o ataque de oito anos às liberdades consagradas no Artigo 2.º [da Constituição]" terminou.

  • A história de Macron e Brigitte Trogneux, 25 anos mais velha
    1:25

    Eleições França 2017

    A segunda volta das eleições francesas acontece já no próximo dia 7 de maio. Caso Emmanuel Macron seja eleito, o país terá como primeira-dama uma mulher 25 anos mais velha do que o Presidente. Brigitte Trogneux tem 64 anos e Macron 39, conheceram-se no liceu privado de jesuítas, em Amiens. Brigitte era a professora e Macron o aluno. Conheça a história do casal. 

  • Autoridades garantem ter evitado novo ataque terrorista em Londres
    0:59

    Mundo

    A polícia britânica garante que evitou um novo atentado em Londres. Mulher baleada faz parte das oito pessoas que foram detidas numa operação antiterrorista na capital britânica e no sul de Inglaterra. A operação realizou-se após a detenção de um homem com três facas, nas imediações do Parlamento britânico.

  • Polícia espanhola divulga imagens de operação anti-jihadista

    Mundo

    A polícia espanhola divulgou esta sexta-feira novas imagens da operação anti-jihadista levada a cabo na terça-feira em Barcelona. Sabe-se agora que dois dos nove suspeitos detidos podem estar relacionados com a célula terrorista de Bruxelas, responsável pelos ataques no Aeroporto de Zaventem e no metro da capital belga.

  • Menina que nasceu com três pernas já corre após a cirurgia

    Mundo

    Uma criança do Bangladesh que cresceu com três pernas vai regressar a casa, depois de uma viagem até à Austrália, onde foi operada para retirar o membro a mais. Como resultado de um gémeo que não se formou por completo, a criança de três anos nasceu com uma terceira perna na pélvis. Alguns meses após a cirurgia, feita em novembro, a menina já corre.