sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 4 mortos em ataque no Quénia

Está em curso esta manhã um ataque a uma universidade no Quénia. Até ao momento, há a registar pelo menos quatro mortos e quatro feridos graves, embora haja também relatos de cerca de 30 pessoas hospitalizadas.

Soldados quenianos nas imediações da universidade

Soldados quenianos nas imediações da universidade

© Stringer . / Reuters

Cerca de meia centena de pessoas foi entretanto hospitalizada com ferimentos provocados por balas. 

No local, há uma grande movimentação de ambulâncias e outros veículos de emergência. 

A Universidade fica na cidade de Garissa, no leste do país, a cerca de 150 quilómetros da fronteira com a Somália.

De acordo com as agências internacionais, um grupo de homens armados terá entrado aos tiros na mesquita da universidade e feito reféns vários estudantes. 

O ataque teve início por volta das 5:30 da manhã, hora local, 3:30 em Lisboa, altura em que muitas pessoas se preparavam para as orações da manhã. 

Tiros e explosões foram ouvidos no complexo durante horas. 

O ataque ainda não foi reivindicado. 


Em setembro de 2013, um sequestro num centro comercial semeou o pânico na capital do país e fez mais de 70 mortos. Foi atribuído ao grupo islamita somali Al-al Shabaab que tem ligações à Al Qaeda.


EM ATUALIZAÇÃO
  • Trabalhos no viaduto terminaram, mas trânsito continua condicionado em Alcântara
    1:23

    País

    Não há, para já, previsão para o restabelecimento da normalidade em Alcântara. Os trabalhos para colocar o viaduto de Alcântara na posição correta, depois do desvio registado num pilar, decorreram esta madrugada. O trânsito mantém-se por isso condicionado no sentido Cascais-Lisboa, como explicou o repórter da SIC, Paulo Varanda.

  • Costa exige a demissão de Dijsselbloem e Marcelo assina por baixo
    1:57
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.