sicnot

Perfil

Mundo

Seis soldados mortos no leste separatista pró-russo da Ucrânia

Seis soldados ucranianos morreram hoje em dois incidentes diferentes no leste separatista pró-russo da Ucrânia, onde continuam a ocorrer confrontos esporádicos apesar da trégua instaurada em meados de fevereiro, informou um porta-voz militar.

© Handout . / Reuters

"Infelizmente, hoje já foram mortos seis soldados ucranianos", disse o porta-voz Oleksandr Motuzyanyk à agência France Presse.

Quatro dos soldados morreram quando o veículo em que seguiam foi atingido por um míssil ao atravessar uma ponte perto do bastião separatista de Lugansk e os outros dois morreram na explosão de uma mina antitanque nos arredores da cidade portuária de Mariupol, controlada pelo Governo.

Depois de um período de acalmia em termos de mortes, nas últimas 48 horas foram mortos nove soldados ucranianos. O conflito no leste da Ucrânia causou mais de 6.000 mortos em perto de um ano.













Lusa
  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02