sicnot

Perfil

Mundo

Conselho de Segurança da ONU exige acesso humanitário ao campo sírio de Yarmouk

O Conselho de Segurança da ONU (CS) exigiu esta segunda-feira o acesso das agências humanitárias aos milhares de palestinianos bloqueados no campo de Yarmouk, na Síria, para que possam ser retirados em segurança. 

O EI desencadeou na semana passada uma ofensiva sobre o campo com a ajuda de 'jihadistas' da Frente al-Nosra, o ramo sírio da Al-Qaida, segundo informou o Observatório sírio dos Direitos Humanos (OSDH). (Arquivo)

O EI desencadeou na semana passada uma ofensiva sobre o campo com a ajuda de 'jihadistas' da Frente al-Nosra, o ramo sírio da Al-Qaida, segundo informou o Observatório sírio dos Direitos Humanos (OSDH). (Arquivo)

Anonymous

"Apelamos à proteção dos civis no campo, a que seja assegurado o acesso humanitário a esta zona para fornecer uma ajuda vital" a cerca de 18.000 palestinianos cercados, declarou a presidente do CE, a embaixadora jordana Dina Kawar, após as consultas que decorreram à porta-fechada. 

A responsável do CS pediu em particular "uma passagem com proteção e uma retirada dos civis". 

Os 15 Estados-membros do Conselho estão preparados "para adotar medidas suplementares que poderão ser tomadas para fornecer a proteção e a assistência necessárias" aos palestinianos de Yarmouk, acrescentou a embaixadora, sem fornecer mais detalhes. 

Dina Kawar recordou as resoluções da ONU sobre a Síria que forçam "todas as partes [envolvidas no conflito] a terminar com os cercos impostos às zonas habitadas" e facilitarem a distribuição de ajuda humanitária. 

Os membros do Conselho "condenaram da forma mais firme possível os graves crimes" cometidos em Yarmouk pelo movimento 'jihadista' Estado Islâmico (EI) e a Frente al-Nosra, e sublinharam a necessidade de punir estes crimes, sublinhou a embaixadora. 

O EI desencadeou na semana passada uma ofensiva sobre o campo com a ajuda de 'jihadistas' da Frente al-Nosra, o ramo sírio da Al-Qaida, segundo informou o Observatório sírio dos Direitos Humanos (OSDH). 

Uma grande parte do complexo está controlado pelas forças 'jihadistas', enquanto o exército sírio reforçou o cerco em redor de Yarmouk e efetua incursões regulares sobre o campo. 

Lusa
  • Pinto da Costa internado após queda

    Desporto

    O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, sofreu uma queda e foi internado de urgência no Hospital de São João. O acidente já foi confirmado pelo clube em comunicado.

  • "Octávio Machado foi a terceira escolha" para o cargo
    2:01
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • Direita acusa presidente da Assembleia da República de não estar à altura do cargo
    2:06

    País

    O presidente da Assembleia da República está a ser novamente criticado pela oposição. Numa entrevista à Antena 1, Eduardo Ferro Rodrigues disse que não queria falar sobre o caso Galpgate para não causar espasmos à direita. Na reação, o CDS diz que a segunda figura do Estado deve abandonar as trincheiras partidárias. A direita acusa ainda que o presidente da Assembleia de não estar à altura do cargo.

  • "Sempre me senti em casa em Portugal"
    1:11