sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 53 mortos nos últimos combates no sul do Iémen

Pelo menos 53 pessoas, incluindo 17 civis, morreram em menos de 24 horas em combates violentos em Aden, no sul do Iémen, entre rebeldes xiitas e apoiantes do chefe de Estado, disseram hoje fontes médica e militar.  

reuters

Os combates, que prosseguem, resultaram "na morte de 17 civis e de 10 combatentes dos 'comités populares' (partidários do Presidente Abd Rabbo Mansur Hadi)", desde domingo, declarou à agência noticiosa francesa AFP uma fonte médica. 

Por seu lado, uma fonte militar disse que morreram 26 rebeldes. 

Os rebeldes xiitas e aliados, militares fiéis ao antigo presidente Ali Abdallah Saleh, conseguiram, no início de março, avançar em direção a Aden. No domingo, tomaram a sede da administração provincial e aproximam-se de um porto. 

No ano passado, os rebeldes conquistaram a capital iemenita, Sanaa, além de vastas regiões do norte e do centro do país. 

O avanço dos rebeldes tem deparado com a resistência dos combatentes dos 'comités populares', abastecidos com armas e munições pela coligação internacional, liderada pela Arábia Saudita, que lançou, a 26 de março, uma operação militar contra estas milícias xiitas, apoiadas pelo Irão. 

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Samsung vai vender modelos reparados do Galaxy Note 7

    Economia

    A Samsung Electronics anunciou hoje que vai vender e alugar telemóveis reparados do modelo Galaxy Note 7 depois de no ano passado a empresa ter decidido suspender a respetiva produção devido a incêndios nas baterrias de íon-lítio.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.