sicnot

Perfil

Mundo

Comando militar ucraniano acusa rebeldes de reiteradas violações da trégua

O comando militar ucraniano acusou hoje as milícias separatistas pró-russas de violarem, esta noite, por várias vezes, a trégua em vigor desde 15 de fevereiro no leste da Ucrânia.

Reuters

Entre as 18:00 e as 24:00 (15:00 e 21:00 de segunda-feira em Lisboa), os separatistas lançaram um total de 20 ataques contra posições das forças governamentais, segundo afirmou uma parte do quartel-general das tropas ucranianas destacados na zona do conflito.

Segundo o comunicado, divulgado através do Facebook, na maioria dos ataques, os pró-russos usaram armas ligeiras, mas por seis vezes recorreram a morteiros e, numa ocasião, a artilharia pesada.

O comando militar, que nada informou quanto a baixas nas suas fileiras, indicou que os ataques das milícias tiveram como alvo posições das forças ucranianas situadas fora dos núcleos urbanos.

"As nossas unidades não caíram nas provocações do inimigo e abriram fogo apenas de resposta quando houve uma ameaça direta à vida dos nossos militares", referiu a mesma secção do comando.

Mais de 6.000 pessoas, entre combatentes e civis, morreram desde que o conflito estalou, há um ano, no leste da Ucrânia, segundo os mais recentes dados da ONU.
  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51