sicnot

Perfil

Mundo

Encontradas no Iraque valas comuns que podem conter 1700 corpos de soldados

Galeria de fotos

Foram encontradas em Tikrit, no Iraque, valas comuns  que podem conter 1700 corpos de soldados iraquianos mortos pelo Estado Islâmico.

reuters

reuters

reuters

reuters

Equipas forenses iraquianas começaram a escavar 12 valas comuns, após a reconquista da cidade ao Estado Islâmico.
Em junho do ano passado, o Estado Islâmico alegou ter morto precisamente 1700 soldados.

Sobreviventes do massacre - que fingiram estar mortos - contam que os radicais questionavam as vítimas, a fim de identificar que era xiita. Eram depois executadas e enterradas em valas comuns.

O complexo está próximo do Campo Speicher, base do Exército norte-americano, e foi usado pelo Estado Islâmico como "sede" na cidade iraquiana. É também o local onde está enterrado o ex-líder iraquiano Saddam Hussein.

Testes de ADN vão agora ser realizados para identificar os corpos, assim que que sejam exumados. 

  • Desde 2005 morreram 72 bombeiros mas ninguém sabe quantos ficaram feridos
    2:02

    Reportagem Especial

    "Vidas de Fogo" é a Reportagem Especial desta noite, sobre os bombeiros feridos em combate a incêndios florestais. Este ano, durante o período mais crítico dos fogos, vão estar no terreno quase 10.000 operacionais. Grande parte são bombeiros voluntários. Vamos contar cinco casos de bombeiros feridos em combate e tentar saber como se recupera de um acidente, como se vive depois de queimado e como se lida com a morte de colegas durante um fogo.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.