sicnot

Perfil

Mundo

Quinze mortos em confrontos entre polícias e membros de grupo criminoso no México

Pelo menos 15 pessoas morreram, esta segunda-feira, na sequência de confrontos entre polícias e presumíveis membros de um grupo criminoso no estado mexicano de Jalisco, informaram fontes oficiais.

Apesar de não terem indicado quantas baixas foram registadas de cada um dos lados, fontes oficiais declararam à agência Efe que os confrontos, que ocorreram na estrada Mascota-Las Palmas, estalaram depois de um grupo armado, ligado ao crime organizado, ter aberto fogo contra uma escolta em trânsito rumo à Zona Metropolitana de Guadalajara.

Apesar de não terem indicado quantas baixas foram registadas de cada um dos lados, fontes oficiais declararam à agência Efe que os confrontos, que ocorreram na estrada Mascota-Las Palmas, estalaram depois de um grupo armado, ligado ao crime organizado, ter aberto fogo contra uma escolta em trânsito rumo à Zona Metropolitana de Guadalajara.

Lusa

Apesar de não terem indicado quantas baixas foram registadas de cada um dos lados, fontes oficiais declararam à agência Efe que os confrontos, que ocorreram na estrada Mascota-Las Palmas, estalaram depois de um grupo armado, ligado ao crime organizado, ter aberto fogo contra uma escolta em trânsito rumo à Zona Metropolitana de Guadalajara.

O estado mexicano de Jalisco, que tem Guadalajara, uma cidade com 4,5 milhões de habitantes, como sua capital, é uma zona de intensa atividade dos cartéis de traficantes de droga.

Segundo informações divulgadas pelos meios de comunicação locais - ainda não confirmadas - entre as vítimas mortais dos confrontos figura o diretor da polícia municipal de Zacoalco.

As mesmas fontes citadas pela Efe indicaram que a procuradoria considera que o ataque pode ser uma reação à investigação e prisão de presumíveis implicados no atentado contra o comissário da Segurança de Jalisco, Alejandro Solorio, ocorrido a 30 de março.
Lusa
  • O que aconteceu à menina síria que relatava a guerra no Twitter?
    1:59
  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados". Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.