sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte lançou dois mísseis de curto alcance para o mar

A Coreia do Norte lançou, esta semana, para o mar, dois mísseis de curto alcance, informou hoje o Governo sul-coreano, que intensificou a vigilância devido à visita ao país do secretário de Defesa dos Estados Unidos, Ashton Carter.

O regime de Kim Jong-un realizou, na terça-feira, um teste, lançando dois mísseis terra-ar para o Mar Amarelo a partir de Pyongwon, na costa ocidental do país, disse um porta-voz do Ministério da Defesa de Seul, à agência Efe. 

Segundo o mesmo responsável, em causa figuram dois mísseis de curto alcance, do modelo KN-06, os quais percorreram apenas "umas dezenas de quilómetros" antes de caírem no mar.

O porta-voz sul-coreano considerou que o novo ensaio de mísseis da Coreia do Norte "parece fazer parte do treino militar de caráter anual", pelo que descartou que possa estar relacionado com a visita a Seul do secretário de Defesa dos Estados Unidos.

Ashton Carter chega hoje à Coreia do Sul, procedente de Tóquio, onde passará três dias, com uma agenda que prevê encontros com o seu homólogo, Han Min-koo, e outras autoridades.


Lusa
  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.