sicnot

Perfil

Mundo

Polícia escocesa usa bonecos Lego para prevenção de crimes

Galeria de fotos

A polícia escocesa tem uma nova arma para combater a violência: Lego. 

"Deixe a sua casa segura quando sair deixando luzes acesas ou até a rádio" #OpRac

"Deixe a sua casa segura quando sair deixando luzes acesas ou até a rádio" #OpRac

twitter.com/EdinburghPolice

"Vai ficar em casa ou vai sair? Verifique as janelas e as portas" #OpRac

"Vai ficar em casa ou vai sair? Verifique as janelas e as portas" #OpRac

twitter.com/EdinburghPolice

"Verifique as formas de acesso às traseiras de sua casa. Se for fácil, outros farão o mesmo" #OpRac

"Verifique as formas de acesso às traseiras de sua casa. Se for fácil, outros farão o mesmo" #OpRac

twitter.com/EdinburghPolice

Os bonecos de Lego são usados para recriar situações violentas, como assaltos a casas, em que há figuras-ladrões e figuras-polícia. As fotografias são depois publicadas no  Twitter.

As fotografias fazem parte da Operação RAC, uma campanha da polícia na Escócia após o aumento dos roubos a casas em Edimburgo.

Cada cena recriada com os bonecos Lego mostra as formas como as pessoas se podem proteger.

"Mais de 354 mil pessoas já viram esta campanha online o que nos garante que é um meio eficiente para passar mensagens para a prevenção do crime", disse à Mashable a Polícia de Edimburgo em comunicado.
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.